quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Jovem evangélica morre em acidente após trabalho missionário no sertão nordestino

Uma jovem missionária que trabalhava no Projeto Sertão, da Cruzada Estudantil Profissional para Cristo, faleceu no último dia 28/01, num acidente em um passeio turístico.

O grupo de 20 jovens evangélicos viajava de volta às suas cidades após a estada em Quixabá, Pernambuco. Eles passaram vinte dias na região, evangelizando e desenvolvendo parte da iniciativa de plantar igrejas em comunidades carentes do sertão nordestino.

Na viagem de volta, pararam na cidade de Andaraí, Bahia, para conhecer a Toca do Morcego, um ponto turístico muito visitado na região. Segundo informações do site da Igreja Batista da Lagoinha (IBL), enquanto caminhavam no local, algumas das meninas escorregaram nas pedras e caíram na água.

O grupo iniciou um trabalho de resgate imediatamente, fazendo uma corrente para retirar as meninas que haviam caído da água. Porém, Karine Dias (foto), 19 anos, não foi encontrada. Foi chamado o resgate para iniciar as buscas, e o corpo da jovem foi encontrado após 40 minutos.

Testemunhas disseram que o nível de água no local estava normal, e que essa foi a primeira vez que um acidente resultou em morte na Toca do Morcego.

Ana Cláudia Lemos, colega de Karine e também membro da IBL, afirmou que quando encontraram a jovem, ela estava sentada numa rocha e o corpo não tinha arranhões. Não foram encontrados sinais de água nos pulmões, evidência comum em casos de afogamento.

“A gente via Deus na vida dela. Antes de entrar na água ela disse ‘obrigado, Senhor, porque a gente está nessa cachoeira. Obrigado por tudo que aconteceu nesse lugar’”, contou Ana Cláudia.

Na página de Karine Dias no Facebook, a última postagem da jovem foi uma reflexão de agradecimento pelo período em missão no sertão nordestino: “Ser usado por Deus no sertão não tem preço! Hoje é o nosso último dia aqui. Daqui algumas horas pegamos estrada e já começamos a pensar no sertão do ano que vem. Obrigada a todos que estiveram nos ajudando em orações, ofertas, etc… A palavra foi pregada, a semente já está lançada. Agora é continuar orando para os frutos se multiplicarem a 100 por 1”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.