sábado, 11 de agosto de 2012

Hizby: conheça as inovações da nova rede social brasileira, voltada para cristãos

As redes sociais são um novo meio de comunicação e interação entre pessoas, e que com o advento das novas tecnologias, que permitem a comunicação instantânea através de celulares smartphone e tablets, tornou-se uma febre entre internautas.

Sites como Twitter e Facebook são os mais populares atualmente, porém, tais redes sociais não possuem parâmetros concretos que limitem assuntos pornográficos ou de conteúdo considerado impróprio.

A partir dessa preocupação, o empresário cristão Júnior Gonçalves, 26 anos, idealizou e lançou uma rede social “baseada nos princípios cristãos”. A Hizby funciona como boa parte das redes sociais, permitindo a postagem de fotos, vídeos, testemunhos, criação e participação de grupos, porém com o diferencial de facilitar a publicação de estudos bíblicos e criação de grupos de debates sobre o assunto.

Gonçalves acredita que a Hizby poderá fazer diferença “estimulando valores de respeito, éticos, incentivando as pessoas a serem diferentes e  combaterem a maldade, a corrupção e o desafeto”.
Na Hizby, o usuário que se cadastrar pode publicar suas mensagens e classificá-la como “top”, ou então, “semear” a mesma entre os amigos, ou ainda usar a função “orar por uma pessoa”.

Embora a rede seja voltada para cristãos, é permitida a participação de todas as pessoas, pois o sistema de filtros que será usado pela empresa, evita que palavras ou imagens impróprias sejam publicadas: “Está sendo criada uma ferramenta que bloqueia palavras pejorativas e também estamos estruturando a parte de denúncias, que serão respondidas em até 48 horas. Imagens obscenas ou pornográficas não serão permitidas na rede. Cuidamos muito para que os pais tenham a segurança de deixar seus filhos com tranquilidade usando o site”, pontua Gonçalves. Desde o lançamento em 08/07, a rede social já ultrapassou a barreira dos 10 mil usuários, com 90% dos cadastrados acessando a rede duas vezes ao dia, e pretende chegar aos 200 mil até o final deste ano.

Os números da Hizby impressionam, e segundo informações publicadas no site de tecnologia IDGNow, do portal Uol, a cada 15 minutos 140 novos usuários são cadastrados: “Estávamos projetando 10 mil usuários em 30 dias e em 72 horas já estamos com 9 mil. O Brasil é um país  que valoriza muito a família. Desenvolvemos um ambiente preparado e seguro para se relacionar com seus amigos, igreja e trocar experiências que geram mudanças”, afirma o fundador da empresa.

O site permite ainda que Igrejas se cadastrem e montem seu próprio perfil na rede social, porém, é necessário comprovar que Jesus Cristo é a base de seus ensinamentos.

A Hizby conta com um grupo de investidores que preferem não ser identificados, que custearam o investimento inicial necessário para que o projeto fosse inaugurado. Para o futuro, Gonçalves adianta que um módulo chamado “estudos online” estará disponibilizado, e através dele, as igrejas cadastradas poderão montar grupos de estudo e acompanhar o envolvimento dos alunos, além de poder atribuir notas às respostas enviadas pelos participantes.

Redação Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.