quarta-feira, 18 de julho de 2012

Evangélicos crescem na Coreia do Sul quase alcançando o número de budistas


Em 1958 era fundada na Coreia do Sul a Igreja Yoido do Evangelho Pleno que no primeiro culto juntou cinco mil pessoas. Nessa época apenas 2% da população do país era evangélica e hoje esse número chega em 34,5%.
Apesar do aumento o budismo segue sendo a religião da maioria da população, 43%, mas se o crescimento continuar nesse ritmo não vai demorar para que os evangélicos sejam a maioria.
Maior prova do aumento de crentes é a própria Igreja Yoido que hoje tem um milhão de membros e um templo sede com 12 mil lugares. Quem deseja participar do culto aos domingos precisa chegar bem antes da reunião começar para poder pegar um lugar.
Os números tornam esse ministério um dos maiores do mundo, um fenômeno que ainda não foi explicado por sociólogos e analistas que lembram que no começo a mensagem mais repetida aos membros da Yoido era “Tudo é possível” e hoje os visitantes recebem mensagens como essa: “Com a ajuda do Espírito Santo, por meio da oração, você pode ter uma vida de abundância”.
Mas não são apenas essas mensagens de autoajuda que fazem os cultos desse ministério crescer, os participantes do culto que não forem coreanos podem ouvir o sermão traduzido simultaneamente para o inglês, japonês, chinês, espanhol, francês, russo, indonésio e árabe através de um fone de ouvido. Esse serviço depende do horário do culto.
São esses e muitos outros ministérios que fazem com que a igreja alcance novos membros, podendo evangelizar não só a população da Coreia como dos países vizinhos e até mesmo turistas.
Fonte: Gospel Prime

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.