sábado, 3 de dezembro de 2011

Vai Valer a Pena - Ministerio Livres Para Adorar HQ (Vídeo A Ponte (Most)

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Lutador de MMA descarta convite de desfilar no carnaval por ser evangélico

Ao ser o campeão da 34ª edição do Jungle Fight, o lutador de MMA peso-leve, Adriano Martins, disse que não pretende desfilar o carnaval pela escola de samba Mangueira. Ele diz que é evangélico e por isso não gosta muito de carnaval, mas se mostrou bastante feliz por conhecer a quadra da escola onde aconteceu a competição.

“Sou evangélico, não gosto muito de carnaval”, disse ele que pertence a uma família de mangueirense. O lutador esteve na quadra da escola lutando contra Neilson Gomes e por sua vitória conquistou o cinturão interino.

“A gente tem vários planos, mas entrego minha carreira nas mãos de Deus”, disse ele que vence cinco das seis competições que participou em 2011. A única luta que perdeu foi contra Francisco Massaranduba, ele não descarta uma luta de revanche, mas diz que não é ele quem escolhe os adversários. “Se acontecer, vamos receber o desafio com muita honra”, declarou ele.

A popularização do MMA no Brasil tem revelado diversos atletas evangélicos como é o caso de Vitor Belfort, Wanderlei Silva, Erick Silva e outros que encaram o vale-tudo como um esporte, uma profissão e não como uma briga violenta.

Com informações Combate

GOSPEL PRIME

Senado realiza audiência pública para discutir as propostas do PLC 122

Na próxima terça-feira, 29, os senadores da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) realizarão mais uma audiência pública para discutir o projeto de lei que criminaliza a homofobia. Dessa vez eles vão falar sobre a ampliação da Lei 7.716/1989, que trata sobre a discriminação decorrente de raça, religião e origem.

A ideia é acrescentar à essa legislação os crimes de discriminação por gênero, sexo e orientação sexual, esse é o objetivo do PLC 122/2006 que já esteve em pauta na CDH em maio deste ano, mas foi retirada por falta de entendimento para votação.

A proposto será discutida com os os presidentes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante; da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Raymundo Damasceno Assis; e da Frente Nacional Cristã de Ação Social e Política (Fenasp), Wilton Costa.

A audiência pública foi sugerida pelo senador Magno Malta (PR-ES) que é contrário à alguns items do texto do PL 122, o mais polêmico se refere as opiniões contrárias ao homossexualismo, classificando-as como crime.

Com informações Verdade Gospel

 http://noticias.gospelprime.com.br

Em entrevista, músicos da MPB afirmam ter usado páginas da Bíblia para fumar maconha

No último dia 17/11 o apresentador Jô Soares entrevistou em seu programa os músicos, Moraes Moreira, Tom Zé e Henrique Dantas, pelo lançamento do DVD “Filhos de João – Admirável mundo novo”.

Em determinado momento da entrevista, são mostrados depoimentos do filme, em que é revelado que os músicos fumavam maconha com páginas da Bíblia.

O Apóstolo Renê Terra Nova criticou a atitude em seu perfil no Twitter, afirmando que “muito mais do que o casamento homo afetivo, o Tom Zé dizer que fumava maconha com os livros da Bíblia é queimar profanamente a carta magna”.



Terra Nova mencionou em sua postagem no microblog a opinião favorável do músico em relação á união entre pessoas do mesmo sexo, expressada na mesma entrevista. O curioso foi a confusão feita pelo líder do Ministério Internacional da Restauração ao se referir à Bíblia como “carta magna”, termo usado juridicamente para se referir à Constituição Federal.
A citação ao fato que envolveu a Bíblia e o uso da maconha pelos músicos, acontece em torno dos 29 minutos da entrevista, que pode ser conferida na íntegra no vídeo abaixo:



 Fonte: Gospel+

Vídeo: Missionário desabafa e desafia pregadores da TV a levarem o “evangelho falso da prosperidade” ao sertão

Junto a uma ossada, o Missionário Claudio Pimenta gravou um protesto bastante contundente, e convidou os Pastores que pregam na TV a conhecerem a realidade das cidades mais pobres do sertão brasileiro.

“Esse vídeo é um desabafo. Eu queria convidar os senhores evangelistas da TV, que estão nas grandes metrópoles, cidades com maiores índices de desenvolvimento humano, para virem pregar o evangelho falso da prosperidade nessa região, uma terra em que urubu morre de fome e só missionário compromissado com o Reino dos céus sobrevive”, declara o Missionário.

Ironizando a prática recorrente nas igrejas neopentecostais, o Missionário pede para que os pregadores da televisão visitem a região assolada pela seca e pobreza para que levem as riquezas mencionadas em suas pregações ao local: “Eu faço um apelo a vocês: se quiserem conhecer essa região, uma das localidades menos evangelizadas do Brasil, já que tudo que vocês tocam vira ouro podem vir aqui, transformar a vida desse povo. Aí sim, nós vamos dar credibilidade ao falso evangelho da falsa prosperidade”.

Citando passagens bíblicas em que o cristão é exortado a viver com o básico, como roupas e alimento, ele desafia novamente os pregadores da teologia da prosperidade. “Quero ver você, pregador da TV, pregar o evangelho da prosperidade na favela da Rocinha, ou no sertão do Ceará ou do Piauí, nas regiões menos evangelizadas, com pobreza extrema, onde as pessoas vivem com bolsas do governo federal, R$ 90, R$ 130, R$ 160 por mês. Quero ver vocês construírem suas catedrais, comprarem aviões, viverem luxuosamente, num lugar como esse” desafia Pimenta.

O Missionário encerra seu desabafo convidando os líderes cristãos a uma reflexão: “Fica aqui o meu apelo: usem o dinheiro que vocês estão gastando na compra de jatinhos, mansões, ternos de R$ 10 a R$ 2o mil e relógios caros, para pregar o evangelho e abrir igrejas nas cidades de menor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano, que é estabelecido pela ONU – quanto menor, maior a pobreza) do Brasil, nas cidades mais miseráveis desse país. Aí sim, vocês estarão cumprindo o mandamento de Cristo”.

Assista ao vídeo na íntegra: