quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Damares reúne mais de 60 mil pessoas na gravação do seu DVD. Confira as fotos

Na noite de 22 de outubro aconteceu a gravação do DVD da cantora Damares, seu primeiro pela Sony Music, que reuniu mais de 60 mil pessoas na cidade de São Sebastião no litoral norte do estado de São Paulo.
O DVD contou com a produção de Bruno Fioravanti e com uma equipe de mais de 500 profissionais. Houve participação de caravanas de todo o estado de São Paulo além de Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Espírito Santo, Acre, Rondônia, Brasília, entre outras regiões, marcaram presença.
Emocionada Damares comentou:
“Creio que este projeto irá impactar a vida de muitas e muitas pessoas. A minha história é uma história de fé e superação. Vamos incluir a história de minha vida num documentário dentro do DVD. Será algo muito emocionante. E a minha vontade é que o exemplo de minha vida seja também algo que motive as pessoas a buscarem a Deus e assim também mudarem suas vidas!”
A gravação teve apoio da Prefeitura Municipal de São Sebastião e a gravação fez parte do projeto “Glorifica Litoral” que por 10 dias promovou diversos shows de música gospel no município. articiparam do “Glorifica Litoral”diversos artistas, com destaque para o cast da Sony Music – Além do Véu, Resgate e Brenda.
O projeto ao vivo de Damares contou com a produção musical de Melk Carvalhedo e será lançado em breve em CD, DVD e PlayBack.
Confira algumas fotos do gravação do DVD da cantora:





Fonte: Gospel+
Com informações de Assessoria Sony Music

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Lançamento: Marcelo Dias e Fabiana - Tudo Bem (Exclusiva)

ONU alerta que desastres climáticos vão se agravar

Seca, inundações, ciclones e incêndios: os desastres climáticos estão mais frequentes e intensos com o aquecimento global provocado por atividades humanas. A tendência é que esta situação se agrave, alerta um relatório da ONU sobre o clima.
O impacto do aquecimento climático sobre os eventos depende de sua natureza e de sua distribuição, muito desigual, entre as diferentes regiões do mundo. Além disso, o nível de certeza das previsões formuladas por especialistas varia com a quantidade e a qualidade dos dados disponíveis.

Mas centenas de cientistas redigiram este relatório para o IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas) e são contundentes: os eventos climáticos extremos serão, no geral, mais graves e mais frequentes nas próximas décadas, um risco a mais para a maior parte dos habitantes de nosso planeta.
"Este é o maior esforço já realizado para avaliar o modo como as catástrofes estão mudando", afirmou Neville Nicholls, professor da Universidade Monash de Melbourne e coordenador de um dos capítulos deste relatório, que deve ser revisado pela ONU durante a reunião em Kampala, antes da publicação, programada para o dia 18 de novembro.
Esta publicação coincide com uma série de catástrofes naturais devastadoras que suscitaram muitas interrogações e inquietações.
Em 2010, temperaturas recordes favoreceram incêndios que destruíram florestas da Sibéria, enquanto o Paquistão e a Índia sofreram com inundações sem precedentes.
Neste ano, os Estados Unidos registraram um número recorde de desastres, desde o transbordamento do Mississippi e do Missouri até o furacão Irene, passando pela seca terrível que afeta atualmente o Texas.
Na China, regiões inteiras sofrem com secas intensas, enquanto chuvas devastam a América Central e a Tailândia.
Anormalidade ou aquecimento global
A maior parte destes eventos são consequência do aquecimento do clima produzido por ação humana: aumento das temperaturas, do teor de água na atmosfera e da temperatura dos oceanos. Todos eles, fatores propícios para agravar e provocar eventos climáticos extremos.
De acordo com o relatório, apoiado em centenas de estudos publicados nos últimos anos, é quase certo, de 99% a 100%, que a frequência e a magnitude dos recordes de calor diários vai aumentar em escala planetária neste século 21.

Infográfico: Veja quem são os emissores de dióxido de carbono
Infográfico: Como ocorre o aquecimento global?
E é também muito provável (90% a 100%) que a duração, a frequência e a intensidade das ondas de calor continuarão a aumentar em quase todas as regiões.
Os picos de temperatura vão provavelmente (66% a 100% de certeza) aumentar em relação ao fim do século 20, até 3°C em 2050 e 5°C até 2100.

Previsões
Muitas áreas, particularmente os trópicos e as latitudes elevadas, vão enfrentar chuvas e neves mais intensas. Paralelamente as secas vão se agravar em outros pontos do globo, em especial no Mediterrâneo, na Europa Central, na América do Norte, no nordeste do Brasil e na África austral.
O aumento do nível dos mares e da temperatura das águas vai provocar ciclones mais destrutivos, enquanto o derretimento das geleiras e do permafrost, combinada com mais precipitações, poderá provocar mais deslizamentos, diz o IPCC.

http://ultimosegundo.ig.com.br

Filme sobre pastores ladrões se inspira na Igreja Universal do Reino de Deus, afirmam roteristas

No Chile, dois primos, Lenin Cifuentes e Jonah, fundam uma igreja, a Transprofética, para lavar dinheiro do tráfico de drogas. Lenin se apresenta aos fiéis como o “último profeta”. A ideia dá tão certo que os dois ganham muito dinheiro com a pregação. Antes, para que o “negócio” deslanchasse, eles fizeram uma viagem ao Brasil com o objetivo de aprender técnicas sobre como tirar dinheiro de crentes com o uso da TV. O estágio foi de seis semanas de período integral.
Em resumo, essa é a história da comédia Dios me libre (Deus me livre) que acaba de ser lançada no Chile. As gravações foram feitas em Santiago e em São Paulo. Há uma cena na praça da Sé.
O roteirista Juan José Hurtado e o cineasta Martin Duplaquet informaram que a inspiração veio de tele-evangelistas americanos da década de 80 e da Iurd (Igreja Universal do Reino de Deus). Viram muitos vídeos do Youtube.
Duplaquet disse que, antes da estreia do filme, foi advertido de que poderia ter problema com líderes religiosos. Mas ele acredita que isso não ocorrerá porque a Transprofética, afirmou, é uma ficção, ainda que concebida com base na realidade.
Ele espera que nenhum devoto se sinta ofendido. No filme, não aparece nenhuma vez a palavra “evangélico”.
“O filme não é sobre uma seita em particular, mas sobre os dois primos e como o marketing às vezes é capaz de nos convencer de qualquer coisa.”
Não há previsão de o Dios me Libre passar no Brasil.

Fonte: Paulopes

http://noticias.gospelmais.com.br/

“Lugares sagrados de Jerusalém estão se tornando uma Disneylândia”, afirma jornalista

Em um artigo escrito para o jornal Folha de S. Paulo, o jornalista Luiz Felipe Pondé afirma que Jerusalém foi transformada em uma “Disneylandia de Jesus”.
Segundo o texto do artigo, lugares sagrados da cidade santa viraram apenas pontos turísticos, sem respeito à história do lugar: “veja, por exemplo, o que aconteceu com os lugares sagrados de Jerusalém. Aquilo virou uma Disneylândia de Jesus. Imagino que, dentro de alguns anos, teremos atores fracassados do Terceiro Mundo vestidos de Judas-Patetas, Maria-Branca de Neve, Tio Pôncio-Patinhas, Pedro-Duck e, é claro, Mickey-Jesus-Mouse”.
O jornalista ainda especula se tanto movimento não pode ser interpretado como histeria. “Ateus são fichinha em comparação à histeria religiosa como argumento contra a viabilidade de um Deus bom e generoso. Nesse caso, a náusea faz de você um ateu”, afirma Pondé.
“Jesus deve ter uma paciência de Jó, com seus fiéis cheios de máquinas digitais e filmadoras chinesas querendo devassar a intimidade de sua mãe e de seus discípulos mortos já há tantos séculos”, ironiza o colunista, que completa: “Aliás, estou seguro de que, em breve, Jesus será “made in China”.
O jornalista conta que já visitou Jerusalém inúmeras vezes, e por isso, pode acompanhar ao longo dos anos, a transformação da cidade: “tive o desprazer de ver Jerusalém virar uma cidade devastada pela horda de tarados… infestada pelos histéricos pentecostais e seus berros em nome do Espírito Santo”.
Luiz Felipe Pondé critica ainda os judeus ortodoxos, a que chama de “mal-educados” e os muçulmanos, “fanáticos”, segundo ele. “A população secular de Jerusalém é cada vez mais oprimida pelos homens de preto da ortodoxia judaica”.

Fonte: Gospel+

Papa Bento XVI reconhece ter vergonha do passado violento da Igreja Católica

O papa Bento XVI, em reunião inter-religiosa global, nesta quinta-feira(27) reconheceu que o Cristianismo usou de força ao longa da história, mas disse que a violência em nome de Deus não tem lugar no mundo hoje.
Bento falou para cerca de 300 líderes religiosos escolhidos de todo o mundo – incluindo cristãos, judeus, muçulmanos, hindus, zoroastrianos, taoístas, xintoístas e budistas – em um encontro de oração inter-religiosa pela paz na cidade de São Francisco.
“Como cristão eu quero dizer neste momento: sim, é verdade, no curso da história, a força também tem sido usada em nome da fé cristã”, disse ele em seu discurso para as delegações em uma basílica de Assis .
“Reconhecemos com grande vergonha. Mas é absolutamente claro que este era um abuso da fé cristã, que evidentemente contradiz a sua verdadeira natureza”, disse ele.
Foi uma das poucas vezes em que um papa pediu desculpas em grandes eventos como nesta reunião para refletir sobre a Paz e Justiça no mundo, onde admitiu o uso da força para difundir a fé no Novo Mundo. O falecido Papa João Paulo pediu desculpas em 2000 por falhas históricas do cristianismo.
Bento XVI, que em seu discurso condenou o terrorismo, disse que a história tinha também mostrado que a negação de Deus pode trazer “um grau de violência que não conhece limites”. Ele disse que os campos de concentração da Segunda Guerra Mundial revelaram “com clareza absoluta as conseqüências da ausência de Deus”.

Fonte: O Diário

http://noticias.gospelmais.com.br/

Sua igreja se preocupa com a saúde dos membros? Pesquisa revela que quanto mais saudável for o líder, mais saudáveis são os fiéis

Pesquisadores da Universidade de Rhode Island, nos EUA, deram uma volta pelo país e reuniram mais de 13 mil líderes religiosos, entre pastores, padres e rabinos. Mas não se tratava de nenhum congresso sobre fé ou espiritualidade, e sim de uma pesquisa sobre saúde. O objetivo: descobrir se a religião pode influenciar as pessoas a cuidar melhor do corpo.
Cada um dos líderes religiosos respondeu a um questionário sobre os hábitos de vida dos fieis de sua região (tais como frequência de exercícios físicos, alimentação e preocupação com doenças). Em paralelo, todos os 13 mil voluntários tiveram medidos seu IMC (Índice de Massa Corporal) e outros indicadores de saúde.
O resultado mostrou que existe, de fato, relação entre as duas coisas. Quanto mais saudável o guia religioso, em linhas gerais, mais saudável era a comunidade para quem ele ministrava a palavra. E isso está relacionado com vários fatores; desde a preocupação do templo em incentivar que a população frequente o médico até o tipo de comida servido em cerimônias e piqueniques das congregações.
Os pesquisadores explicaram que o estudo foi focado em templos religiosos devido a um fator sociológico: mais de 40% dos americanos frequentam alguma espécie de templo, no mínimo uma vez por semana. Dessa forma, como defendem os pesquisadores, não seria de se surpreender que os indicadores tivessem relação um com o outro.
O que faz diferença, conforme apuraram os pesquisadores, são as atividades sociais que a igreja promove. Os templos Luteranos e Metodistas, que forma considerados os mais saudáveis, chegam a promover atividades esportivas para os fieis. A qualidade de vida de cada religioso, em geral, foi proporcional à preocupação que os grupos religiosos dedicam à saúde.

Fonte: Hype Science

 http://noticias.gospelmais.com.br

Hospital recruta voluntários para testar droga contra HIV

Poderão participar do estudo pacientes que apresentam resistência do vírus aos atuais antirretrovirais

Imagem microscópica de uma infecção secundária por aids: vírus muitas vezes desenvolvem resistência aos medicamentos antirretrovirais Imagem microscópica de uma infecção secundária por aids: vírus muitas vezes desenvolvem resistência aos medicamentos antirretrovirais (Duncan Smith / Thinkstock)
O hospital estadual Emílio Ribas, de São Paulo, abriu recrutamento de pacientes com HIV para avaliar uma nova droga que poderá ajudar quem não estiver reagindo ao tratamento atual. O processo de seleção dos voluntários para participar desta pesquisa se estenderá até o mês de janeiro de 2012.
Poderão participar do estudo pacientes com HIV, maiores de 18 anos, e que apresentam multiplicação do vírus HIV, mesmo com o uso correto dos medicamentos convencionais. Ou seja, que apresentam resistência do vírus HIV aos atuais antirretrovirais, e que ainda não usaram medicamentos inibidores da integrase, como o Raltegravir.

As vagas são limitadas. Os pacientes interessados devem levar exames recentes e procurar a equipe do hospital-dia do Emílio Ribas, no 2º andar da unidade, de segunda-feira à sexta-feira, das 8 horas às 17 horas.
Mais informações:  telefones (11) 3896-1285;3896-1213; 3085-7059. O hospital estadual Emílio Ribas fica na avenida Dr. Arnaldo, 165, Cerqueira César, zona oeste da capital paulista.
(Com Agência Estado)

http://veja.abril.com.br/noticia/saude/hospital-recruta-voluntarios-para-testar-droga-contra-hiv--2

Anulação de questões não afeta quem foi bem no Enem, diz especialista

Problema seria se questões fossem da mesma prova, diz professor da UFSC.
Justiça do Ceará determinou a anulação de 13 perguntas do exame.


A anulação de 13 questões do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), decretada em decisão da Justiça do Ceará, não deve afetar a pontuação dos estudantes que tiveram bom desempenho no exame, na avaliação do especialista na Teoria de Resposta ao Item Dalton Francisco de Andrade, professor do Departamento de Informática e Estatística da Universidade Federal de Santa Catarina.
As questões canceladas envolvem três perguntas de ciências humanas (números 32, 33 e 34 da prova amarela), cinco de ciências da natureza (46, 50, 57, 74 e 87), uma de linguagens (113) e quatro de matemática (141, 154, 173 e 180).
Com isso, de acordo com a decisão judicial, o número de questões que serão consideradas diminui de 180 para 167. O Ministério Público do Ceará solicitou ainda a anulação de uma 14ª questão.
Questões 32, 33 e 34 da prova amarela de ciências humanas e suas tecnologias (Foto: Reprodução)Questões 32, 33 e 34 da prova amarela de ciências humanas e suas tecnologias (Foto: Reprodução)
Cada questão foi definida entre fácil, média ou difícil no pré-teste promovido pelo Inep no ano passado. De acordo com o especialista, só o Inep pode dizer o peso de cada questão, mas para os candidatos que tiveram um bom desempenho na prova, a anulação de algumas respostas não vai afetar no desempenho final .
“Como o Enem é usado também como processo de seleção de muitas universidades que têm grande concorrência, o nível dos alunos com mais chances de adquirir as vagas é muito alto. Com isso, se os itens anulados forem de nível mais baixo não terá impacto na nota final”, explica.
A TRI é o conjunto de modelos que relacionam uma ou mais habilidades com a probabilidade de a pessoa acertar a resposta. Cada item/questão é construído um modelo representado por três parâmetros: a discriminação (que ajuda a diferenciar a habilidade dos alunos), o grau de dificuldade e o acerto casual.
Para Andrade, “o impacto da anulação de itens depende não só do número de itens que está anulando, mas do nível de cada um deste item.“ Ele diz ainda que se os níveis de questões forem equilibrados, entre fáceis, médias e difíceis, não haverá um grande efeito na apuração final das notas.
“Cada questão tem uma escala. Se um candidato acerta as que estão no topo da escala, então ele deve ter acertado as mais fáceis. Na hora que calcula a nota dele, tirar uma questão de nível 500, por exemplo, não terá problema para quem acerta questões de nível 800, 900. Eliminar itens de nível de baixa proficiência isso não mexe na nota final.”
Ainda de acordo com o professor, se as 13 questões fossem de uma única prova, poderia provocar diferenças de desempenho entre os candidatos.

G1.COM

Deputado Pastor Marco Feliciano anuncia que pedirá plebiscito sobre casamento gay e critica PLC 122

O deputado federal Marco Feliciano (PSC/SP), parlamentar da Frente Evangélica, foi o primeiro a se manifestar publicamente sobre o primeiro casamento gay aprovado pela Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça, STJ, no último dia 25, socilitado por duas gaúchas.
Através da sua conta no twitter ele prometeu pedir plebiscito para que o povo decida se o casamento homossexual é constitucional ou não. Segundo ele, “todo assunto que envolve orientação sexual parece constranger os legisladores. Não podemos protelar mais, ou votamos essas leis ou o STF o faz, eles ‘STJ e STF’ não foram eleitos pelo povo”. A briga no parlamento é pela auto-suficiência do STF e do STJ que passam a legislar como protetores da lei.
Ainda em seu twitter, Feliciano se manifestou contra o PLC 122 e disse que “dos 3.500 casos de crimes praticados contra gays, 95% foram crimes passionais” e concluiu dizendo que “sábado passado em Anapolis-GO, apedrejaram a igreja onde eu pregava. Palavras como crente tem conotação pejorativa”.
Minutos após esta declaração, ele desabafou, dizendo que “a mídia não tem interesse” sobre o seu trabalho na câmara. Por isso, planeja investir em sua imagem política através de discursos mais contundente em suas opiniões para que a mídia cristã tenha conteúdo, que inclue temas polêmicos, como este.
Fonte: The Christian Post

http://noticias.gospelmais.com.br

Ex-garota de programa afirma que diversas vezes atendeu Padres e Pastores

Uma ex-prostituta e agora escritora afirmou em entrevista ao site Meia Hora de Notícias que durante o tempo que foi garota de programa, atendeu diversos Padres e Pastores.
Segundo Vanessa de Oliveira, que lançou ontem seu quinto livro, intitulado “Reunião de Bruxas – O livre arbítrio é sagrado” ela atendia frequentemente os líderes religiosos: “Fiz vários programas com alguns padres e pastores, nem por isso eles eram pessoas ruins. Muitos líderes religiosos não têm conduta exemplar. Eles sentem o chamado de Deus e fazem os votos. Mas não têm experiência sexual e necessitam de sexo”.
Vanessa conta ainda depois que assumem seus ministérios, esses líderes passam a enxergarem que os votos de castidade são secundários. “Lá dentro da igreja, eles veem que o celibatário é uma bobagem. O mais importante é o trabalho na igreja, não se eles fazem sexo. Muitos acabam contratando garotas de programa”, conta a escritora, que por vezes, rezou enquanto transava com seus clientes. “Não sou pecadora por isso. Tenho outros pecados. Toda mulher que gosta de sexo reza. Quantas vezes eu rezava para mim transando com os meus clientes. Eu rezava Pai-Nosso e Ave-Maria ou contava 1, 2…” relata a ex-garota de programa.
Ainda sobre os tempos em que vivia da prostituição, ela afirma que diversas vezes achou que iria para o inferno: “No primeiro ano de trabalho, eu me julgava e achava que ia para o inferno por fazer programas. Todas as vezes que procurei a igreja, a porta estava fechada, porque passava das 18h. O que me trouxe alívio foi o livro de espiritismo de Allan Kardec”, lembra ela.
Apesar do passado como prostituta, Vanessa revela que sempre foi ligada à religião. “As pessoas pensam que alguém ligado ao sexo está alienado do mundo espiritual. Garotas de programa acreditam em Deus também. Neste livro, eu faço uma reflexão sobre Deus. Todos têm uma missão, mas depende de você. Deus não julga e não determinou que eu fosse garota de programa. Foi escolha minha”, afirma a escritora, que garante que enquanto trabalhava, ficava preocupada com outros assuntos cotidianos: “eu contava quanto de dinheiro tinha conseguido naquele dia e o que eu iria comer quando eu saísse dali. Era só o meu corpo que estava ali”.
Fonte: Gospel+

Comercial que mostra anjos caídos é suspenso na África do Sul após reclamação de cristãos

Um comercial de um desodorante foi suspenso na África do Sul após uma reclamação de um telespectador. O órgão que regulamenta as propagandas no país afirmou que na reclamação, o cidadão se queixou por sentir-se ofendido com a ideia de anjos que abandonam sua condição espiritual por terem atração por um humano.
No vídeo, anjos com aparência feminina descem à Terra e quebram suas auréolas ao verem um homem que usou o desodorante. O slogan da campanha afirma que “até os anjos cairão”.
“O problema não é tanto que anjos sejam usados no comercial, mas sim que sejam vistos como perdidos, ou talvez renunciem ao seu estado celestial por desejos mortais”, afirma a nota do órgão regulador ao aceitar a reclamação e ordenar que o vídeo fosse retirado do ar.
Segundo o site Exame.com a nota divulgada afirma que a medida tem a intenção de prevenir novas queixas: “Isso é algo que provavelmente ofende todos os cristãos da mesma forma como ofendeu o queixoso”.
Assista o vídeo:


Fonte: Gospel+

No Partir do Pão- Rayssa e Ravel

Amor Provado - Rayssa & Ravel

Pr. Silas Malafaia comenta o ‘Dia do Orgulho Heterossexual’

Após alguns políticos manifestarem interesse em criar o “Dia do Orgulho Heterossexual”, como revide ao “Dia do Orgulho Gay”, o pastor Silas Malafaia se posicionou sobre esse tema. Assista ao vídeo e deixe sua opinião!

http://www.verdadegospel.com



Entrevista Davi Sacer

Davi Gomes entrevista Davi Sacer




http://www.verdadegospel.com

Pastor pode ser processado por ser contra ‘Halloween’

Um pastor da Igreja Batista em Hillsboro, no estado de Ohio, nos EUA, foi obrigado a pedir desculpas aos vizinhos da igreja por ter disitribuído panfletos com imagens violentas sobre o Halloween, conhecido como o ‘ Dia das Bruxas’.
O folheto que tinha o carimbo da igreja e que ocasionou a indignação das pessoas que moravam nas redondezas foi uma história em quadrinhos onde havia uma mensagem contra o Halloween e aparecia em uma das ilustrações uma criança se suicidando.
Ao todo, são três crianças que aparecem na história ilustrando vingança de Deus contra a mãe que não aceitou a Palavra de Deus e que no fim da história mostra ela dobrando seus joelhos e pedindo perdão, mas vê seus filhos morrerem de forma trágica.
Entre os versículos impressos na história em quadrinho faz menção ao livro de Jó, que também perdeu seus filhos.
Depois de se sentirem chocados com as imagens do folheto, alguns pais estão falando em processar o pastor Kenny Cousar e a igreja Batista. Ao Jornal The Sunday Times-Gazette, ele declarou que a igreja relamente não foi tão cuidadosa como deveria mas que não teve a intenção de ofender ninguém. “Nós estamos profundamente tristes por isso. Fomos descuidados. Não prestamos atenção no que diziam todos os panfletos. Nós não os criamos, compramos porque eram em formato de quadrinhos e achamos que as crianças e adolescentes gostariam deles . Agora, olhando bem… eu tenho filhos pequenos, e não gostaria que eles vissem essas imagens. Não apoio essa metodologia de intimidação divina retratada aqui”.
Os folhetos sobre o Halloween foram produzidos pela Editora Chick, que é famosa pelas mensagens contundentes, que sempre retratam Deus julgando as pessoas e como deveria ser o inferno.
O pastor ainda explicou que o objetivo da sua igreja era distribuir vários panfletos com variados tipos de mensagens na noite do dia 30, antes do Halloween. “Nosso objetivo é levar o evangelho. Fazemos isso todos os anos e geralmente temos uma boa resposta… Isso definitivamente foi minha culpa e garanto que não vai acontecer novamente.”
Fonte: Gospel Prime

http://www.verdadegospel.com/