quinta-feira, 3 de março de 2011

David Beckham faz tatuagem onde ele é Jesus sendo carregado por anjos


David Beckham, estrela do futebol, fez sua vigésima tatuagem e postou as fotos no Facebook. O desenho escolhido foi uma imagem de Jesus Cristo sendo carregado por três anjos. No entanto, o rosto de Cristo lembraria o rosto do próprio astro. Como pode ser visto na foto divulgada, ele está sendo carregado por três anjos que seriam os seus três filhos com a ex-Spice Girl Victoria: Romeo, Brooklyn e Cruz. O desenho foi feito três meses atrás pelo conceituado tatuador americano Mark Mahoney, de Los Angeles, onde Beckham vive enquanto joga pelo Galaxy. Mas só agora o meia resolveu revelar aos fãs. Foram necessárias duas sessões, num total de 12 horas, para concluir a imagem que cobre parte do peito do jogador.
O jogador explicou sua motivação: “É Jesus sendo carregado por querubins. Obviamente, os querubins são meninos, por isso escolhi a imagem. Creio que em algum momento de minha vida meus filhos terão de cuidar de mim. Como já disse antes, tudo o que está em mim tem um significado”.
A temática religiosa não é nova para o jogador. Entre suas muitas tatuagens estão um anjo no braço direito, outro anjo nas costas, além de uma cruz no pescoço, a frase “ore por mim” no pulso e uma outra imagem de Jesus na altura da barriga. Como sua esposa está grávida novamente, em breve pelo menos mais um anjo adornará o seu torso.
Fonte: Pavablog

Espiritual de Salvador 2011 - Jesus Reina

Igreja Batista cria bloco gospel para desfilar no carnaval de Salvador


Assim como acontece a anos, o carnaval de Salvador terá alguma novidade em 2011 e essa promete ser bem polêmica. Nesta sexta-feira, 4 de Março, a “festa da carne”, de origem pagã, contará com a participação de um bloco bem diferente, formado apenas por evangélicos. Serão quase mil “foliões crentes” do bloco Sal da Terra portando abadá e bateria própria, e que planejam cantar muitos louvores e exaltar o nome “Senhor Jesus” durante o carnaval. As informações são do Bahia Notícias.
Pela proposta ser diferente a polêmica já está formada. Os participantes são fiéis da Igreja Batista Missionária da Independência e afirmam que manterão a agitação, animação e a tradicional batucada bahiana, mas também estarão louvando a Deus pelas ruas do Pelourinho. Gustavo Mercês, um dos organizadores do bloco gospel Sal da Terra, o “objetivo é levar uma mensagem verdadeira de paz, que não acabará com o fim do carnaval, e esperança a todos aqueles que encontrarmos pelas vielas do Pelourinho, mostrando que vem de Jesus toda nossa alegria”.
O primeiro desfile do bloco já aconteceu no último domingo, 27 de fevereiro, quando fizeram seu som bahiano de Deus no circuito Dodô, Barra-Ondina.
O carnaval de Salvador será transmitido ao vivo pelo Youtube.
Fonte: Gospel+

Justiça determina que Igreja Batista pode fazer protestos antigays durante enterros de soldados


A Suprema Corte dos Estados Unidos determinou nesta quarta-feira que a 17561 Suprema Corte permite protestos antigay em funerais militares nos EUAIgreja Batista Westboro tem o direito de realizar protestos antigays durante funerais de militares para promover sua crença de que Deus está revoltado com o país por sua tolerância com a homossexualidade.
Em um caso polêmico entre liberdade de expressão e direito à privacidade, a Suprema Corte defendeu que o direito de protestar e fazer piquete na frente dos funerais está protegido pela Primeira Emenda da Constituição dos EUA –que garante a altamente valorizada liberdade de expressão.
A decisão, que contou com oito votos a favor e um contra, foi uma derrota para Albert Snyder, pai de um marinheiro americano morto no Iraque em 2006. Ele apelou à corte para denunciar que no enterro de seu filho, ainda em 2006, pastores da Igreja Batista levantaram cartazes com os dizeres “Deus te odeia” e “você está indo para o inferno”.
Ele afirma que sua privacidade foi invadida e que os protestos foram abusivos.
Um tribunal de menor instância já tinha emitido sentença favorável ao pai do ex-soldado, sob a qual a igreja teria que pagar US$ 5 milhões em danos por invasão de privacidade e danos emocionais. A Igreja Batista apelou, no entanto, e o caso foi levado à Suprema Corte.
O caso do fuzileiro naval morto em 2006 no Iraque em cujo funeral no Estado de Maryland pastores e membros da Igreja Batista Westboro, do Kansas, protestaram contra a possibilidade de gays assumidos integrarem o Exército ficou famoso no país e tem sido interpretado como um exemplo da discussão sobre a liberdade de expressão nos EUA.
O pastor de Westboro Fred Phelps e outros membros da igreja protestaram em cerca de 200 de funerais de militares mortos no Iraque e no Afeganistão. Phelps fundou a igreja em 1955 e tem cerca de 70 membros, a maioria parentes e amigos. Eles criticam a política do “não pergunte, não conte” que permite que militares gays façam parte das Forças Armadas desde que não revelem sua opção sexual.
O filho de Snyder, Matthew, não era gay.
O juiz chefe, John Roberts, escreveu que a decisão foi difícil e que os direitos de liberdade de expressão ditaram o resultado.
Fonte: Folha  GOSPEL +

Ateus lançam campanha afirmando que não é preciso crer em Deus para amar, ter esperança e viver


Um grupo humanista lançou, na terça-feira, uma campanha publicitária multimídia, declarando que os ateus e os não religiosos podem viver vidas boas e significativas sem Deus.
“Você não precisa de Deus – para ter esperança, para cuidar, para amar, para viver,” afirma o anúncio.
A campanha é patrocinada por um Centro de Pesquisa (CFI), um Amherst, organização com sede em NY, cuja missão é fomentar uma sociedade secular baseada na ciência, razão, liberdade de pesquisa e valores humanitários.
O presidente da CFI e Diretor Executivo Ronald A. Lindsay disse que os anúncios estão destinados a dissipar alguns mitos sobre os não religiosos.
“Um mito comum é que os não religiosos conduzem vidas vazias, sem sentido, egoísta e auto-centradas. Isso não é falso, é ridículo,” disse ele em uma declaração. “Infelizmente, muitas pessoas aceitam esse mito porque isso é o que eles ouvem sobre os não religiosos.”
A CFI afirma que as pessoas não religiosas podem encontrar significado em uma vida que é centrada no ser humano e que a invocação do sobre-natural é desnecessário.
Um outro mito que o grupo está buscando afastar – que os não religiosos são imorais, ou pelo menos que eles não podem ser tão confiáveis quanto os que tem crenças religiosas.
“Uma razão que esse mito persiste é que muitos religiosos acreditam ver seus deuses ou sua fé como a base para as suas emoções tais como esperança, carinho, e amor,” apontou a organização. “Nós não negamos que os religiosos possam encontrar inspiração em suas crenças – mas nossos amigos religiosos não devem presumir que aceitar suas religiões é necessário para uma vida plena.”
Craig Hazen, diretor do Programa de M.A. em Apologética Cristã na Universidade de Biola no Sul da Califórnia, não discorda que os ateus e os descrentes podem viver dignamente, vidas plenas.
Mas ele argumenta que não há fundamentação para o que eles estão tentando colocar adiante.
“Você está falando sobre alegria e prazer, e bondade e etc. Se você emprega palavras desse tipo e você não tem um objetivo base para a realidade dessas palavras … em outras palavras, se você não acredita em um legislador moral que de verdade dá significado às suas palavras bem e mal, você pode … colocar outdoors todo o dia que eles não vão ter significado,” disse ele ao The Christian Post.
“O que significa fazer bem em um mundo que é simplesmente um acidente de matéria e energia?” apontou Hazen.
O professor Biola, que é também editor do jornal de filosofia Philosophia Christi, disse que ele ainda tem que ouvir um argumento de um ateu ou naturalista “no que se baseia a sua moralidade objetiva real.”
A única maneira de conhecer o bem, a alegria e o amor ou mesmo dor é se houver um legislador moral que pode de verdade comunicar essas coisas, manteve ele.
Hazen foi mais além ao contender que um não crente está realmente “emprestando uma cosmovisão cristã para dar à sua vida ateísta um significado.”
“Eu somente não sei onde eles estão adquirindo o seu conceito de bem. Eles são somente sacos aleatórios de moléculas. Moralidade … não se aplica à sacos aleatórios de moléculas,” disse ele.
“Se é uma pessoa criada à imagem de Deus e há um legislador moral, então você tem um conceito real de moralidade e você pode viver uma vida boa ou você pode viver uma vida má e você pode saber disso.”
Washington, D.C., é a primeira das três cidades a hospedar anúncios CFI. A partir de terça-feira, os anúncios foram colocados em 15 ônibus e duas estações de Metrô – Dupont Circle e Farragut West. A partir da próxima semana, outdoors declarando, “Você não precisa Deus” irão ser vistos em Indianápolis e Houston.
Fonte: Christian Post  GOSPEL +

Missionário R.R. Soares afirma: “Se ainda existem pessoas que pulam carnaval é vergonha para nós”


Próximo da temporada do carnaval, o festival mais popular do Brasil, o missionário RR Soares escreveu hoje, “se existem pessoas que ainda pulam Carnaval… isso deve ser encarado como vergonha nossa,” em sua mensagem diária.
O carnaval, considerado uma festa secular que ocorre anualmente no Brasil, dito ser originalmente um festival relacionado ao Cristianismo, acontecendo 40 dias antes da Páscoa terá início dia 08 de março.
Para muitos jovens, esse é um momento para sair de suas casas e participar do movimento. As Igrejas evangélicas, entretanto, dão alternativas aos jovens como acampamentos. Outras Igrejas ainda ousam participar como “um bloco evangélico,” nos desfiles.
Na época do festival, caracterizado por grandes desfiles conduzidos por escolas de samba, em que multidões assistem e seguem carros de trios elétricos pelas ruas das cidades, há um aumento brusco do consumo de bebida alcólica, e geralmente o governo distribui camisinhas e lança campanhas de conscientização para prevenir a difusão da AIDS.
O missionário RR Soares deixou claro em sua mensagem, se há os que “pulam Carnaval, prostituem-se ou fazem oferendas aos demônios,” isso deve ser encarado como “vergonha nossa.”
O missionário urge que “todo filho de Deus precisa crescer no entendimento, o qual será de grande valia para ele e toda a humanidade,” ressaltando que “a vida será melhor quando um adúltero deixar o caminho errado,” exemplificando o caso de um ladrão que se converte.
Em sua mensagem (Filipenses 1.9) “E peço isto: que a vossa caridade aumente mais e mais em ciência e em todo o conhecimento,” ele falou sobre a importância do conhecimento da Palavra.
“O conhecimento da Palavra é de suma importância. A ciência das Escrituras nos faz sábios até nas questões corriqueiras da vida.”
“Ela nos prepara para os combates contra as forças das trevas, que não somente nos atacam, mas também tentam roubar aqueles que nos foram confiados.”
E ele adverte que os Cristãos não podem esperar que os que estão “perdidos deem solução aos problemas da nação.”
“Como servos do Deus Altíssimo, … temos o poder para mudar as pessoas e, assim, gerar mudança em toda a sociedade,” disse.
Desta maneira, RR Soares encoraja os Cristãos a se esforçarem a “realizar a obra divina como deve ser feita, de pessoa em pessoa, mudaremos a nossa população.”
“Para tal, portanto, é preciso crescer na fé e no conhecimento de Deus, a fim de que o Santo Espírito nos capacite a fazer o trabalho de modo completo e perfeito.”
RR Soares conclui, mencionando que a Bíblia nos adverte que “quem recebeu e não usou os talentos será lançado fora da presença divina, para sempre, nas trevas exteriores, onde haverá choro e ranger de dentes.” Mas complementa dizendo que “os que forem fiéis serão recebidos na glória como benditos do Pai e, eternamente, estarão com o Senhor Jesus (Mateus 25.14-30).”
Fonte: GOSPEL +

Irmão Lázaro grava participação no Programa da Eliana no SBT


Como já noticiado aqui no Gospel+ o programa da Eliana no SBT estreou o concurso “Tem um Cantor Gospel lá em Casa“, no quadro um artista de renome no meio gospel escolhe três concorrentes do concurso para se apresentarem e por fim a platéia escolhe um vencedor. O grande vencedor do concurso receberá um prêmio de 5 mil reais e a gravação de um CD cedidos pela Expo Music Gospel. Para fazer a escolha dos concorrentes dessa semana (programa do dia 06/03) o convidado será o Irmão Lázaro.
Pelo Twitter o cantor convidou todos para assistirem sua participação no quadro escrevendo: “Boa tarde Amados! Próximo domingo estarei no Programa da Eliana no SBT, não deixem de conferir”
Você pode conferir mais informações sobre “Tem um Cantor Gospel lá em Casa” clicando aqui
Fonte: Gospel+

quarta-feira, 2 de março de 2011

Morre um dos pioneiros da Assembléia de Deus no Brasil e autor de hinos da Harpa Cristã


Um dos Pioneiros da Igreja Assembléia de Deus no Brasil morreu na última quinta-feira, aos 95 anos, em decorrência de falência múltipla de órgãos.
Pastor José Pimentel de Carvalho era líder da Assembléia de Deus (AD) em Curitiba (PR), tendo presidido a Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil (CGADB), órgão máximo da denominação do país, nos anos 60, 70 e 80.
GOSPEL +

Deputado gay pedirá abertura da contabilidade das igrejas que recebem dízimo e criará projeto de legalização do casamento gay

O deputado gay Jean Wyllys, famoso por ter ganho uma das edições do Big Brother Brasil, oficializou sua guerra contra as igrejas evangélicas. Em seu primeiro discurso na Câmara comemorou ser o primeiro gay assumido a ser eleito deputado e que lutará contra os cristãos e a favor da agenda gay. Jean também afirmou que seus atos são porque “luta pelos verdadeiros cristãos”. Entre seus principais anúncios destacam-se:

Abertura da contabilidade das Igrejas Evangélicas e por em discussão a imunidade fiscal das igrejas

O deputado Jean Wyllys, do PSOL-RJ, pretende colocar em discussão no Congresso Nacional a imunidade fiscal das igrejas e propor a abertura de sua contabilidade para saber o destino do dízimo. A proposta de examinar as contas das igrejas é um contra-ataque à articulação dos deputados evangélicos para derrubar a portaria do Ministério da Fazenda que autoriza a partir deste ano que homossexuais com união estável façam declaração conjunta do Imposto de Renda, beneficiando-se com abatimento. O ex-BBB é o primeiro deputado que se elegeu colocando-se na campanha como representante dos homossexuais.
O deputado Ronaldo Fonseca (PR-DF) é quem está arregimentando apoio para invalidar a portaria. Um de seus argumentos é de que a concessão do benefício fiscal é uma exceção, como se os homossexuais fossem cidadãos especiais, o que é ilegal porque a Constituição estabelece que todos são iguais perante à lei. Ele disse que vai convocar o ministro Guido Mantega, da Fazenda, para tentar convencê-lo a recuar da medida.
Wyllys disse que também vai usar a ilegalidade e a exceção para questionar o regime fiscal privilegiado das igrejas. “Posso também exigir do ministro uma explicação por que as igrejas não prestam contas à sociedade. Se os partidos políticos prestam, por que igrejas não?”. Para Wyllys, a articulação dos evangélicos é homofóbica. Ele vai se reunir como lideranças que defendem as causas dos homossexuais, como a senadora Marta Suplicy (PT-SP), para organizar a reação aos evangélicos.
Fonseca, que é também pastor da Igreja Assembleia de Deus, disse que não aceita que o benefício aos gays seja aprovado apenas por uma “canetada”. “Tem de haver debate”. Wyllys rebateu dizendo que a imunidade fiscal das igrejas também tem de ser questionada.

PEC do casamento gay

O deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), ex-BBB, afirmou nesta quinta-feira (24), em seu discurso de estreia na Câmara, que pretende apresentar um projeto de emenda à Constituição (PEC) que garanta o direito do casamento civil entre pessoas do mesmo sexo.
“Em parceria com outros sete parlamentares, estou reestruturando a Frente Parlamentar Mista pela Cidadania GLBT [Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgênero] e apresentando uma proposta de emenda constitucional que assegura aos homossexuais o direito do casamento civil. Se o estado é laico, os homossexuais têm de ter todos os direitos e leis garantidos. Inclusive o direito ao casamento civil”, disse o deputado.
Na análise do parlamentar, a competência sobre o casamento civil não deve ser das igrejas. “Se um casal pode se divorciar e em seguida partir cada um para novos casamentos é porque o casamento civil não é da competência das igrejas, nem das religiões”, declarou.
“Eu sou o primeiro homossexual assumido sem homofobia internalizada e ligado ao movimento GLBT a assumir como deputado federal. Eu disse que este seria o norte do meu mandato e vai ser”, afirmou o parlamentar, que no último sábado participou de uma manifestação em São Paulo contra a homofobia.
Jean Wyllys afirmou ainda que, na Câmara, vai integrar a Comissão de Finanças e Tributação, além de ser suplente na Comissão de Direitos Humanos.

Legalização de todos os projetos pró-gay, incluindo PLC 122

A senadora Marta Suplicy (PT-SP) já desarquivou o projeto que criminaliza a homofobia. O debate que parece não ter fim mobilizou as duas casas na última semana. De modo especial quando o deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) fez seu discurso de estreia na Câmara.
Ele deixou claro sua posição e alfinetou a bancada evangélica, dizendo ter tido uma criação cristã, asseverando: “Se por um lado o cristianismo fundamentalista que vigora no Congresso Federal e sua ameaça ao estado democrático e de direito nos apavoram, por outro é inegável que foi o cristianismo livre de fundamentalismo que nos trouxe a ideia de que o que torna um homem virtuoso são seus atos. Sim, porque para o verdadeiro cristianismo um ser humano é virtuoso quando age em favor do bem comum”.
Wyllys garantiu ainda que lutará pelos direitos dos praticantes de religiões afro-brasileiras. Em entrevista recente à revistaÉpoca, ele afirmou que defende os verdadeiros cristãos: “o valor da vida e o respeito ao outro”.
O senador evangélico Magno Malta (PR-ES), membro da “Frente da Família”, e um dos líderes da bancada evangélica no Senado rebateu as propostas de Suplicy e Wyllys. Ele argumenta que:
“Se nós aprovarmos um projeto desse que você é criminoso por não aceitar a opção sexual de alguém, é claro, é como se você estivesse legalizando a pedofilia, o sadomasoquismo, a bestialidade”.
Disse ainda diz não ter dúvidas de que o projeto será arquivado. A Frente da Família também conta com a participação de parlamentares católicos, mas é menor em tamanho que a frente pró-gay. Estima-se que na Câmara Federal os que assumem defender interesses de evangélicos e católicos totalizem 85, enquanto os que já se declararam favoráveis ao reconhecimento dos direitos dos homossexuais cheguem a 154.

Vídeo: Discurso de Jean Wyllys na Câmara



Resposta do Senador evangélico Magno Malta às afirmações de Jean Wyllys


Fonte: Gospel+



Pastor Silas Malafaia e ex governador evangélico Anthony Garotinho estão em guerra na política


Maior partido considerado de oposição na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), com nove deputados, o PR passa por uma crise que, além de política, tem contornos religiosos e familiares. Evangélico da Igreja Presbiteriana, o presidente da legenda, Anthony Garotinho — pai da deputada estadual Clarissa —, mede forças com Silas Malafaia, pastor da Igreja Vitória em Cristo, irmão de Samuel, que também está na Alerj.
Os problemas começaram ainda na eleição de 2010. Silas se queixou de que o irmão não tinha espaço na propaganda eleitoral, causando mal-estar no partido. Na época, Clarissa Garotinho ficou com a maior parte do tempo.

“Crise de Crescimento”

Com as eleições, Anthony Garotinho foi o deputado federal mais votado do Rio, com 694 mil votos. Sua filha teve 118 mil. Ela, porém, não superou Samuel Malafaia, deputado estadual do PR mais votado nas eleições estaduais, com cerca de 130 mil votos.
Os desentendimentos no PR continuaram com a eleição para a presidência da Assembleia. Apenas Clarissa votou contra Paulo Melo, enquanto os outros oito deputados votaram a favor do peemedebista. Samuel Malafaia, inclusive, compôs a chapa, com a vaga da 1ª suplência da Mesa Diretora. Samuel afirma que Garotinho pode perder bastante com o eleitor evangélico. “Ele se tornou evangélico há pouco tempo. Nós já somos há muito tempo. O deputado estadual Édino Fonseca, por exemplo, também é evangélico e integra o grupo que votou com Melo”, afirmou. Ele acredita, porém, que os desentendimentos no partido sejam desfeitos.
Secretário-geral do PR e homem de confiança de Garotinho, Fernando Peregrino diz que o aliado não está ameaçado de perder a confiança dos evangélicos. “Os evangélicos não votam em apenas um candidato. Essa é uma crise de crescimento do partido”.

Para cientista, político ainda é força dentro do partido

O cientista político Ricardo Ismael, da PUC-RJ, acredita que a recente crise do PR não seja sinônimo de enfraquecimento de Garotinho dentro do partido. De acordo com ele, o deputado federal ainda é a maior força da legenda, apesar de suas orientações não terem sido seguidas pelos deputados da Alerj.
“Ele, com certeza, é uma força dentro do PR, pois foi o deputado mais votado do Rio e levou com ele outros parlamentares”, afirmou o cientista político. Ismael ainda ressalta que as eleições municipais de 2012 serão uma prova de fogo para Garotinho. “A pretensão dele é concorrer ao governo estadual em 2014. Por isso, precisará do apoio de muitos prefeitos na campanha”, analisa.
Fonte: O Dia  GOSPEL +

Waguinho dá seu testemunho em programa da Globo e canta junto com pessoas de diferentes religiões

Waguinho era conhecido por sua banda de pagode “Os Morenos”, mas atualmente ele tem dado seu testemunho de fé e é pastor da Igreja Assembléia de Deus dos Últimos Dias. O cantor, que também foi candidato a senador e teve uma expressiva votação, tem se envolvido na evangelização em favelas e presídios juntamente com o pastor Marcos Pereira.
Nesse domingo (27/02/11) o cantor esteve no programa “Esquenta” da Rede Globo que é apresentado por Regina Casé e deu seu testemunho e cantou. No programa Waguinho falou sobre trabalho social e espiritual realizado por ele na sua igreja e interagiu com os sambistas e muitos participantes do programa, muitos desses que conheceram Waguinho antes de se converter.
Uma das características do programa apresentado por Regina Casé foi que no palco também estavam sambistas de diversas religiões no palco, o que Regina chamou de “a cara do Brasil”.
Waguinho cantou a música “Dono da boca” e juntamente com todos no palco cantou o clássico hino “Segura na mão de Deus“.
Assista a participação do cantor no programa Esquenta no vídeo abaixo:
Fonte: Gospel+