sexta-feira, 28 de maio de 2010

Religiosos zelam por eleição de políticos éticos

Líderes religiosos, integrantes da curadoria do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic), esperam que os políticos que forem eleitos em outubro “prezem pela ética como um valor inalienável” para evitar a desmoralização e o descrédito nas instituições democráticas do país.
“De nossas igrejas chegam-nos expressões de preocupação e muitas vezes espanto, acompanhadas de insatisfação e desilusão em relação à classe política de nosso país”, diz declaração do Conic sobre ética na política e eleições 2010, emitida ontem.
Os religiosos que assinam a declaração entendem como um dever orientar a sociedade brasileira, ainda mais em ano eleitoral, para que eleja políticos comprometidos com a ética e com os interesses da população.
É preciso que os menos favorecidos sejam contemplados em seus direitos e necessidades básicas, expressam as lideranças religiosas, que defendem “uma profunda reforma na educação” para que o país possa atender as demandas da economia “sem, contudo, transformar pessoas em meras peças de reposição do sistema econômico”.
Além de conclamar o eleitorado às urnas, os religiosos parabenizaram o povo brasileiro pela aprovação, sob pressão popular, do projeto de lei denominado “Ficha Limpa”, que exclui da disputa eleitoral candidatos que tenham sido condenados pela Justiça.
Assinam a declaração o secretário geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, dom Dimas Lara Barbosa; o bispo primaz da Igreja Anglicana, dom Maurício de Andrade; o presidente da Igreja Evangélica Luterana, pastor Walter Altmann; o moderador da Igreja Presbiteriana Unida, reverendo Enoc Wenceslau; o representante da Igreja Siriana, padre Joanilson Pires do Carmo; o presidente e o secretário-geral do Conic, respectivamente, pastor Carlos Möller e reverendo Luiz Alberto Barbosa.

ALC/Notícias Cristãs

TRE cassa mandato da evangélica Rosinha e torna ex governador presbiteriano Garotinho inelegível


O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) cassou nesta quinta-feira (27) o mandato da prefeita de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, Rosinha Garotinho, por abuso do poder econômico. Segundo o TRE, ela foi beneficiada pelas práticas panfletárias da rádio e do jornal O Diário, durante a campanha nas eleições 2008. Cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Como Rosinha Garotinho obteve mais de 50% dos votos, o tribunal convocou novas eleições para o município. O uso indevido dos meios de comunicação social também levou a Corte a tornar inelegíveis por três anos a prefeita cassada e o pré-candidato ao governo do Rio, Anthony Garotinho, além de três comunicadores da rádio O Diário.

Por meio de sua assessoria, o casal Garotinho informou que está avaliando a decisão do TRE-RJ, juntamente com os advogados, para definir que tipo de recurso será utilizado para reverter a situação. Até o fim do dia, a decisão do casal será publicada no blog do Garotinho.

Todos podem recorrer da setença
Tanto Rosinha quanto Garotinho ainda podem recorrer ao TSE, com efeito suspensivo. O julgamento chegou a ficar empatado em três votos a três. Coube ao presidente do TRE-RJ, desembargador Nametala Jorge, o voto de desempate.

“Os fatos foram inadmissíveis. O pleito eleitoral tem que ter uma lisura absoluta, trata-se de um direito da sociedade”, justificou o desembargador.

Os votos vencidos foram do relator do processo, juiz Célio Salim e dos juízes Leonardo Antonelli e Luiz de Mello Serra. Os desembargadores Sérgio Lúcio de Oliveira e Cruz e Raldênio Bonifácio acompanharam o voto divergente do revisor, juiz Luiz Márcio Pereira.

De acordo com o TRE, houve ainda um impasse quanto ao início da contagem do prazo de inelegibilidade. O juiz Luiz Márcio Pereira defendeu a tese de que o prazo deveria contar a partir da decisão, no que foi acompanhado pelo desembargador Nametala Jorge. Mas os desembargadores Sérgio Lúcio de Oliveira e Cruz e Raldênio Bonifácio entenderam que deve prevalecer a Súmula 19 do TSE, com a contagem a partir das eleições em que os fatos ocorreram, ou seja, em 2008, o que. Para resolver o impasse, o juiz Luiz Márcio Pereira adotou o prazo da Súmula.

Fonte: G1 / Gospel+

Artista Cristã adolescente publica foto dos seios no Twitter


A foto dos seios de Hayley Willians, vocalista do Paramore, causou polêmica e se tornou o assunto do momento no Twitter durante a madrugada de quinta para sexta.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Biblia Online

A jovem vocalista dos cabelos vermelhos é admirada por muitos cristãos e referência para muitos adolescentes. Hayley causou polêmica ao postar em seu Twitter uma foto sua deitada em uma cama e mostrando os seios. O tópico “peitinhos”, em referência a opinião dos usuários que viram a foto, foi um dos mais falados entre os brasileiros no microblog.

Hayley Willians é hoje uma das mais famosas e influentes jovens cristãs no mundo, frequentemente toca em igrejas americanas e confessa em entrevistas ser evangélica batizada.

A líder da banda Paramore afirmou logo após apagar a imagem que foi hackeada. O que gerou perguntas no Twitter: “Como o hacker conseguiu uma foto pessoal dela pra postar? Hackeou a câmera digital dela também?” disse um fã que parece não ter acreditado muito na história. “Hackeada nada, postou errado e pra fingir q nao tinha fotos desse naipe, falou q foi hackeada…”, comentou outro fã sobre o ocorrido.

Hayley segue os passos de outro ídolo teen que confessa fé cristã. Miley Cyrus, a popularmente conhecida Hanna Montanna, também já teve fotos suas semi nua e em posições “nada ortodoxas” postadas na internet, a cantora adolescente também alegou ter sido hackeada.

Nos Estados Unidos o fenômeno sexting tomou conta dos adolescentes. O sexting consiste em tirar fotos nuas, semi nuas ou em posições eróticas e enviar para alguém por sms ou internet. Algumas pessoas apostam que foi assim que acidentalmente apareceu a foto dos seios de Hayley Willians no twitter. Atualmente ela namora Chad Gilbert, guitarrista da banda secular New Found Glory.

Vários dos mais de 650 mil seguidores da cantora salvaram a foto e republicaram em diversos outros lugares na internet.

Fonte: dotGospel / Gospel+

Igreja Quadrangular pode ser multada por pedir votos para candidatos políticos


A Procuradoria Regional Eleitoral em Minas Gerais abriu uma investigação para apurar uma denúncia de ilegalidade eleitoral praticada no interior de igrejas.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Representação feita por um fiel da Igreja do Evangelho Quadrangular denunciou que pastores dessa denominação vêm convertendo cultos em palanques.

No texto, o fiel menciona um episódio que testemunhou. Deu-se no dia 2 de maio, na Igreja do Evangelho Quadrangular do Bairro Floresta, em Belo Horizonte.

Segundo o texto entregue à Procuradoria, o pastor que ministrava o culto noturno disse a certa altura:

“Eu, Jesus e meu projeto: eu, Jesus, Mario de Oliveira para deputado federal e Antonio Genaro para deputado estadual”.

De acordo com a denúncia do fiel, a prática de pedir votos estaria sendo replicada em outros templos da igreja.

Os políticos mencionados são filiados ao PSC (Partido Social Cristão). Mario cumpre mandato na Câmara. Genaro, na Assembléia Legislativa de Minas.

Além de abrir investigação, o Ministério Público Eleitoral enviou uma recomendação ao conselho estadual da igreja Quadrangular.

Pede a interrupção da prática. Recorda que a lei eleitoral proíbe a realização de propaganda política no interior dos templos.

Mesmo do lado de fora das igrejas, informa a recomendação, a propaganda eleitoral está proibida antes do dia 5 de julho, data oficial do início da campanha.

A Procuradoria deu prazo de dez dias para que a Quadrangular expeça um aviso aos seus pastores e envie uma resposta ao Ministério Público.

Pedidos de votos feitos no interior de igrejas sujeitam seus autores a multas que vão de R$ 2 mil a R$ 8 mil.

Campanha antecipada feita fora da igreja pode render multa que varia de R$ 5 mil a R$ 25 mil.

Fonte: Blog do Josias de Souza / Gospel+
Via: Pavablog

Festival da Esperança – Evento reune Franklin Graham, Ana Paula Valadão, Michael W. Smith e outros


Depois de relutar em seguir os passos do pai e, assim, se transformar no seu sucessor nato, o norte-americano Franklin Graham, de 58 anos, pregou, pela primeira vez na vida, há 27 anos. Naquela noite, Graham teve uma experiência desanimadora diante de 1 mil pessoas e jurou que nunca mais pregaria. Mas o mesmo convite, vindo de um amigo e pastor evangélico, John Wesley White, surgiu seis anos depois, em uma cruzada evangélica. Ele aceitou e o povo, para quem declamaria palavras de salvação e de esperança, ouviu suas palavras. De lá para cá, Franklin não apenas reviveu a história de seu pai, Billy Graham – que pregou o Evangelho para mais de 200 milhões de pessoas, ao vivo, em centenas de cruzadas, e hoje tem Mal de Alzheimer, aos 91 anos de idade –, como promove, anualmente, uma dezena de festivais evangélicos pelo mundo, e dirige uma organização humanitária cristã, a Bolsa do Samaritano, que atua em cerca de 100 países e também em catástrofes, como a do terremoto que destruiu parte do Haiti.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Esta semana, Franklin Graham chega ao Brasil, mais precisamente a Santa Luzia, na Grande Belo Horizonte, para o segundo festival de 2010, que será realizado no Mega Space. Ele estará acompanhado de artistas – como Ana Paula Valadão, Michael W. Smith, Toque no Altar, Tommy Coomes, Dennis Agajanian e David Quinlan –, que vão se apresentar no Festival da Esperança, com músicos locais e coral de voluntários de igrejas da região. Franklin esteve no Brasil em 2001, em Recife; e seu pai, em 1974, no Rio de Janeiro. Nesta quarta-feira, o evento é aberto somente a igrejas; quinta e sexta-feira, começa às 19h, e no sábado, às 8h, com programação infantil; e, às 18h, para adultos.

Em entrevista ao Estado de Minas por e-mail, o missionário disse que Santa Luzia foi escolhida porque ele vinha recebendo inúmeros convites das igrejas mineiras há anos. Sua mensagem durante todo o evento é de fé e esperança. “As pessoas estão procurando por esperança. A situação econômica mundial está se deteriorando e as pessoas querem saber que esperança podemos ter para o futuro. Quero que elas saibam que podem ter esperança eterna por meio de Jesus Cristo”, diz.

O Festival da Esperança é gratuito. Mais de 1 mil igrejas da Região Metropolitana de Belo Horizonte estão envolvidas, e o público esperado é de 220 mil pessoas. Só para ter ideia, o coral que se apresentará diariamente conta com 2 mil vozes. O espaço terá estrutura especial e, para o transporte, serão disponibilizados 600 ônibus, parte deles saindo da Estação BHBus São Gabriel, a partir das 16h.

Caixas de sapato

Assim como todas as outras cidades que foram sede do festival, Belo Horizonte receberá também um dos projetos assistenciais da organização cristã internacional de ajuda humanitária da Bolsa do Samaritano, também presidida por Graham. São as Caixinhas da Esperança, caixas de sapato repletas de presentes dentro, que serão distribuídas a crianças de mais de 100 comunidades carentes da região metropolitana, escolhidas pela organização do evento. Vão desde brinquedos a roupas e produtos educacionais e de higiene pessoal. As doações vieram de outros países por onde o festival já passou. Na sexta-feira, o próprio missionário Franklin fará a distribuição dos presentes a crianças de uma comunidade escolhida.

Serviço

Festival da Esperança
Mega Space – Avenida das Indústrias, 3.000 – Distrito Industrial II – Santa Luzia
Amanhã e sexta-feira, às 19h; e no sábado, às 8h, a programação infantil; e, às 18h, para adultos.
Gratuito

Fonte: Uai / Gospel+
Via: Notícias Cristãs

Igreja Renascer sorteia cheque de R$20 mil. Fundação Renascer deve ser investigada pelo Tribunal de Contas


Na manhã desta quinta-feira, aconteceu no Espaço Renascer o encontro de líderes da CIEAB (Confederação das Igrejas Evangélicas Apostólicas do Brasil). Alguns pastores, bispos e apóstolos de outras denominações estiveram no local. Marcelo Aguiar, Renascer Praise, Soraya Moraes e Mara Maravilha marcaram presença no encontro.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Durante o encontro foi sorteado um cheque no valor de R$20.000,00 que seria para ajudar a manutenção da igreja ganhadora. Em seu Twitter a Bispa Fernanda Hernandes, filha de Estevam e Sônia Hernandes, divulgou as fotos do cheque e afirmou: “Olha o cheque q vms sortear p abençoar a reforma de uma das lideranças presentes!!!!! 20.0000,00 reais. É Deus. Cieabe abençoando o corpo”

Os encontros da CIEAB são feitos mensalmente e não há custos para a denominação que se associar.

Fonte: Folha Renascer / Gospel+

Estará em breve no Tribunal de Contas da União mais uma polêmica com relação ao casal Estevam e Sonia Hernandes.

A Fundação Renascer – braço da Igreja Renascer em Cristo para ações sociais – terá que responder por 1,4 milhão de reais doados pelo MEC para a entidade. A Igreja Renascer não comprovou a utilização do dinheiro dado pelo MEC em um convênio assinado em 2004 para a alfabetização de 8000 alunos em São Paulo.

Fonte: Veja / Gospel+
Via: Notícias Cristãs

Atualização: Procurada pelo Gospel+ para comentar sobre a notícia, a Igreja Renascer afirmou que “durante o café foram feitos vários sorteios para os participantes: ingressos para o show do cantor norte americano, Michael W. Smith; Mp3 player; além de um vale cheque de 20 mil reais, disponibilizado pelo Grupo Memorial, onde a igreja Assembléia de Deus Nova Poá foi a grande abençoada.”

Sobre a investigação do Tribunal de Contas a Igreja Renascer não se pronunciou sobre o caso.

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Após pedir trízimo, Apóstolo Valdemiro Santiago pode estar comprando avião de 48 milhões de dólares

A revista Veja informou que o apóstolo Valdemiro Santiago da Igreja Mundial do Poder de Deus está negociando a compra de um avião idêntico ao do seu ex-líder Bispo Edir Macedo da Igreja Universal do Reino de Deus.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

O jato bimotor Global Express, está avaliado em US$ 48 milhões de dólares. Recentemente Valdemiro pediu aos membros que entregassem o “trízimo”, ou seja, 30% dos rendimentos mensais (10% para o Pai, 10% para o Filho e 10% para o Espirito Santo). A revista afirma que Santiago é dono de um jatinho e um helicóptero, comprados há menos de um ano.

Além de Edir Macedo e Valdemiro, outros líderes famosos que adquiriram aviões são o Missionário R. R. Soares e Silas Malafáia.

Fonte: Veja / Gospel+
Via: Folha Renascer

Outro pregador inglês preso e acusado por opiniões sobre o homossexualismo


(Por Hilary White) – WORKINGTON, Inglaterra — Outro pregador de rua na Inglaterra foi preso simplesmente por proclamar ensinos cristãos que mostram que a conduta homossexual é pecado. Dale Mcalpine diz que estava distribuindo folhetos na cidade de Workington em 20 de abril, quando foi abordado por transeuntes e um agente policial de apoio de comunidade (APAC) que se identificou como homossexual.

No andamento da conversa Mcalpine, de 42 anos, lhes disse que tem a convicção de que a homossexualidade é pecado porque é contrária à Palavra de Deus na Bíblia. O jornal Daily Mail noticiou que a polícia disse que ele havia dito isso em “voz alta” que poderia ser causalmente ouvido por outros.

Mcalpine foi então preso, acusado de usar palavras abusivas e insultantes ou conduta contrária à Lei de Ordem Pública de 1986, ficando numa cela durante 7 horas. Ele está sendo auxiliado pelo Instituto Cristão, e diz que estará defendendo sua inocência diante das acusações.

A prisão de Mcalpine marca a segunda vez em apenas um mês em que um cristão foi preso na Inglaterra por fazer nada mais do que pregar a ética sexual cristã. No começo de abril LifeSiteNews.com (LSN) noticiou sobre o caso de Shaw Holes, um americano que foi preso em Glasgow, enquanto estava numa turnê de pregações com um grupo de colegas britânicos e americanos, depois que disse a um grupo de transeuntes, em resposta a uma pergunta direta sobre a questão, que a conduta homossexual é pecado.

Mcalpine, que se descreve como um cristão “nascido de novo”, disse para LSN que sua prisão é um mau sinal para a sociedade britânica.

“Alguém não quer que esta maravilhosa verdade de salvação seja pública e é isso o que está acontecendo em meu país.

Está ocorrendo uma batalha espiritual pelas almas”, disse ele.

“Senti-me chocado e humilhado que eu havia sido preso em minha própria cidade e tratado como um criminoso comum na frente de pessoas que conheço”, Mcalpine disse para o Daily Mail. “Minha liberdade foi arrancada por causa de fofocas de alguém que não gostou do que eu disse, e fui acusado sob uma lei não aplicável”.

Ele acrescentou: “Se você estiver pregando ódio e incentivando as pessoas a machucar outras, é certo que isso é contra a lei. Mas eu jamais faria isso. Se temos uma sociedade livre, eu deveria ter a liberdade de pregar o Evangelho como gerações fizeram antes de mim”.

Mcalpine disse numa declaração que enquanto estava pregando, uma mulher se aproximou e “procedeu dizendo que o que estávamos fazendo era errado e a verdade não era o preto ou branco que o que eu estava apresentando”.

Ele disse que continuou sua conversa com a mulher, discordando amigavelmente, mas que depois, um grupo de APACs que estavam perto falou com ela enquanto ela estava deixando. Um dos agentes então se aproximou de Mcalpine.
“Perguntei se estava tudo certo, e então ele respondeu: ‘Temos tido queixas e se você disser qualquer comentário racista ou homofóbico, prenderei você’”.

“Eu lhe disse que não sou homofóbico, mas às vezes eu me levanto e prego que a homossexualidade é pecado e que isso é o que a Bíblia diz. Eu também disse que isso não é crime”.

Mcalpine disse que o APAC então se identificou como o “agente de relações com os LGBTs” em nome da polícia: “Eu disse que ainda é pecado”.

Os meios de comunicação identificaram o APAC como Sam Adams, membro da associação de funcionários LGBT da polícia da Cumbria. Essa associação representou a polícia na parada do “orgulho gay” em Manchester no ano passado.

Mcalpine disse que sentiu que os APACs presentes estavam deliberadamente tentando encontrar desculpas para prender a ele e seus colegas. Num ponto na pregação do dia em Workington, ele escreveu, “um cavalheiro com camiseta vermelha” gritou para ele sobre “o perdão de Deus”. O APAC que se identificou como homossexual então se aproximou desse homem e falou com ele. “Isso confirmou minha suspeita de que ele estava tentando obter alguma queixa contra mim”, disse Mcalpine.

Quando o turno normal de agentes policiais chegou, Mcalpine disse que um deles perguntou: “O que você tem dito de forma homofóbica?”

Ele respondeu que ele havia explicado ao APAC que a Bíblia ensina que a homossexualidade é pecado, mas que isso não constitui “ódio” para com os homossexuais.

“Expliquei que não existe lei contra dizer isso e o policial discordou instantaneamente”.

Mcalpine, que nunca teve problemas com a lei antes, foi então preso por “crime, com agravante racial, contra a ordem pública, seção 5”. Mais tarde lhe disseram que ele estava sendo acusado de “usar palavras ou conduta ameaçadoras para provocar incômodo ou preocupação ou angústia” — uma classe de crime que originalmente era aplicável para agitadores violentos e abusivos e para torcidas violentas de futebol. Ele foi liberto sob fiança com a condição de que não pregue num lugar público para membros do público.

Mike Judge, porta-voz do Instituto Cristão, disse: “Dale é um cristão comum e normal com opiniões tradicionais sobre a ética sexual. Algumas pessoas concordarão com ele, outras discordarão. Mas não cabe à polícia prender alguém só porque outros poderão discordar do que é dito”.

O colunista Peter Hitchens escreveu no Mail que esse incidente é só mais um sinal da “revolução” que ocorreu na Inglaterra.

“A Lei de Ordem Pública de 1986 não tinha a intenção de permitir a prisão de pregadores cristãos em cidades inglesas por fazerem citações da Bíblia. Mas agora essa é sua intenção. A Lei de Parcerias Civis de 2004 não tinha a intenção de forçar funcionários públicos a aprovar a homossexualidade. Mas agora essa é sua intenção. A Lei de Crimes Sexuais de 1967 não tinha a intenção de levar a um estado de coisas onde é cada vez mais perigoso dizer qualquer crítica sobre a homossexualidade. Mas agora essa é sua intenção”.

O caso Mcalpine mostra que a Inglaterra desceu longe no abismo, disse Hitchens: “Ações pequenas e inofensivas, oferecimentos de oração, o uso de crucifixos, solicitações para se isentar de deveres, são encarados com ira e ameaças oficiais de demissão, de forma exagerada. Até quando antes que os cristãos sejam vítimas de chantagem de colegas de trabalho porque ousaram dizer publicamente suas opiniões ilegais?”
Cobertura relacionada de LSN:

Traduzido por Julio Severo

Fonte: http://noticiasprofamilia.blogspot.com /www.juliosevero.com / OVERBO

Livro mostra como o discipulado pode transformar a sua vida e sua Igreja


Ao falar de discipulado estamos falando de ordem, de mandamento, de um imperativo de Jesus. É responsabilidade de cada cristão assumir o seu papel de discípulo obediente e fazer valer o último mandado de Cristo aqui no mundo antes de ascender aos céus.

Como foi com os primeiros discípulos, Jesus nos convida a trocar de barco, trocar de “peixes”. Somos chamados para andar com Ele cada dia – falando com Ele, servindo à causa de Cristo, aprendendo de Suas palavras – para podermos transformar o mundo e fazer discípulos de todas as nações, começando pela nossa Jerusalém, nosso oikós.

Este livro fala de discipulado simplesmente. Conclama-nos a uma parceria com Jesus, a um engajamento. Desafia-nos a deixamos as nossas redes na praia e O seguirmos de todo o coração, sendo a mudança que queremos ver na nossa família, na igreja e no mundo.

Aqui os autores trabalham o discipulado em profundidade, tanto no aspecto do ser como do fazer. Muito mais do que conceitos, reflexões e pensamentos profundos sobre discipulado, este livro é um manual de operações, uma receita, uma ferramenta prática que nos leva do não saber ao fazer com maestria.

A leitura cuidadosa deste livro trará luz e revolução para sua vida pessoal, sua família, sua prática ministerial, sua igreja. E depois, vá e faça!

Autores: Abe Huber e Ivanildo Gomes
Páginas: 126
Ano: 2010

Adquira o seu, clique aqui

Fonte: MDA Publicações / O Verbo

Curandeiros sacrificam boi em estádio da final para abençoar a Copa


Objetivo do ritual teria sido dizer aos antepassados que o mundo está indo para a África do Sul;
A Organização de Curandeiros Tradicionais sul-africanos (THO, sigla em inglês) sacrificou nesta terça-feira um boi a facadas em frente ao estádio Soccer City, em Joanesburgo, que receberá a abertura e a final da Copa do Mundo da África do Sul, para abençoar o torneio, informou a imprensa local. O propósito do ritual era "dizer aos antepassados que o mundo está vindo à África do Sul", disse ao diário "The Star" Mandla Qeleqele, um membro da organização.
O encarregado de cravar a faca entre os chifres do animal, perante cerca de dois mil curandeiros especializados em medicina tradicional sul-africana, foi o guerreiro septuagenário da etnia xhosa Zakhele Sigcawu, que pertence ao clã Tshawe e viajou a Soweto desde a província do Cabo Oriental.
Segundo Zolani Mkiva, presidente e diretor-geral do Instituto da Realeza Africana, cerca de 300 bruxos ou "sangomas" invocaram os antepassados para que fornecessem sua energia e queimaram "impepho", uma erva tradicional, para pedir a Deus e aos antepassados que deem à África do Sul um bom Mundial.
Os bruxos tradicionais disseram que escolheram o Soccer City por ser o estádio onde começará e terminará o torneio, e afirmaram que o processo de comunicação espiritual é sagrado. Após sacrifício, os bruxos mais antigos entraram no estádio e cantaram e dançaram com suas vestimentas tradicionais para abençoar também o interior do recinto.
- Nossos estádios estão agora oficialmente benzidos para o torneio de acordo a nossa cultura - concluiu Mkhiva após a cerimônia.

GloboEsporte/Notícias Cristãs

Pastor norte-americano, filho de Billy Graham, vai pregar para multidão no Mega Space

Depois de relutar em seguir os passos do pai e, assim, se transformar no seu sucessor nato, o norte-americano Franklin Graham, de 58 anos, pregou, pela primeira vez na vida, há 27 anos. Naquela noite, Graham teve uma experiência desanimadora diante de 1 mil pessoas e jurou que nunca mais pregaria. Mas o mesmo convite, vindo de um amigo e pastor evangélico, John Wesley White, surgiu seis anos depois, em uma cruzada evangélica. Ele aceitou e o povo, para quem declamaria palavras de salvação e de esperança, ouviu suas palavras. De lá para cá, Franklin não apenas reviveu a história de seu pai, Billy Graham – que pregou o Evangelho para mais de 200 milhões de pessoas, ao vivo, em centenas de cruzadas, e hoje tem Mal de Alzheimer, aos 91 anos de idade –, como promove, anualmente, uma dezena de festivais evangélicos pelo mundo, e dirige uma organização humanitária cristã, a Bolsa do Samaritano, que atua em cerca de 100 países e também em catástrofes, como a do terremoto que destruiu parte do Haiti.
Esta semana, Franklin Graham chega ao Brasil, mais precisamente a Santa Luzia, na Grande Belo Horizonte, para o segundo festival de 2010, que será realizado no Mega Space. Ele estará acompanhado de artistas – como Ana Paula Valadão, Michael W. Smith, Toque no Altar, Tommy Coomes, Dennis Agajanian e David Quinlan –, que vão se apresentar no Festival da Esperança, com músicos locais e coral de voluntários de igrejas da região. Franklin esteve no Brasil em 2001, em Recife; e seu pai, em 1974, no Rio de Janeiro. Nesta quarta-feira, o evento é aberto somente a igrejas; quinta e sexta-feira, começa às 19h, e no sábado, às 8h, com programação infantil; e, às 18h, para adultos.
Em entrevista ao Estado de Minas por e-mail, o missionário disse que Santa Luzia foi escolhida porque ele vinha recebendo inúmeros convites das igrejas mineiras há anos. Sua mensagem durante todo o evento é de fé e esperança. “As pessoas estão procurando por esperança. A situação econômica mundial está se deteriorando e as pessoas querem saber que esperança podemos ter para o futuro. Quero que elas saibam que podem ter esperança eterna por meio de Jesus Cristo”, diz.
O Festival da Esperança é gratuito. Mais de 1 mil igrejas da Região Metropolitana de Belo Horizonte estão envolvidas, e o público esperado é de 220 mil pessoas. Só para ter ideia, o coral que se apresentará diariamente conta com 2 mil vozes. O espaço terá estrutura especial e, para o transporte, serão disponibilizados 600 ônibus, parte deles saindo da Estação BHBus São Gabriel, a partir das 16h.

Caixas de sapato
Assim como todas as outras cidades que foram sede do festival, Belo Horizonte receberá também um dos projetos assistenciais da organização cristã internacional de ajuda humanitária da Bolsa do Samaritano, também presidida por Graham. São as Caixinhas da Esperança, caixas de sapato repletas de presentes dentro, que serão distribuídas a crianças de mais de 100 comunidades carentes da região metropolitana, escolhidas pela organização do evento. Vão desde brinquedos a roupas e produtos educacionais e de higiene pessoal. As doações vieram de outros países por onde o festival já passou. Na sexta-feira, o próprio missionário Franklin fará a distribuição dos presentes a crianças de uma comunidade escolhida.

Serviço

Festival da Esperança
Mega Space – Avenida das Indústrias, 3.000 – Distrito Industrial II – Santa Luzia
Amanhã e sexta-feira, às 19h; e no sábado, às 8h, a programação infantil; e, às 18h, para adultos.
Gratuito

Uai/Notícias Cristãs

A entrevista e testemunho do capitão da Seleção Brasileira

“A Bíblia é meu manual de instrução.” A frase convicta e edificante é de quem poderá erguer a tão esperada taça do hexacampeonato brasileiro na Copa do Mundo de 2010, realizada entre junho e julho, na África do Sul. O zagueiro e capitão da Seleção Brasileira, Lucimar Ferreira da Silva, o Lúcio, de 32 anos, é mais que um líder em campo. Natural de Planaltina (DF), ele também capitaneia a semeadura da Palavra de Deus entre os jogadores evangélicos que vestem a camisa amarelinha. E o grupo de boleiros seguidores da Bíblia não é pequeno. Inclui Kaká, Felipe Melo, Gilberto Silva, Luisão, Juan, Josué e até o auxiliar técnico Jorginho, presidente do ministério dos Atletas de Cristo.

Sempre após os jogos e treinamentos, eles se unem para momentos de pregação, oração e leitura bíblica. Se depender da fé, o hexa é nosso. A seguir, confira a entrevista exclusiva concedida pelo capitão Lúcio ao portal da SBB.

SBB: Há quanto tempo você é evangélico e como foi seu primeiro contato com a Bíblia?
Lúcio: Já faz 12 anos. Fui à igreja pela primeira vez com a minha mãe. Foi algo muito bom que aconteceu em minha vida e, graças a Deus, consegui me manter na igreja. Sou grato a Ele pela paciência e graça comigo e com minha família.

SBB: Costuma ler a Bíblia sempre na concentração antes dos jogos? E no ambiente da Seleção Brasileira?
L.: Em geral, sempre que posso procuro ler a Bíblia, pois isso é algo que me ajuda todos os dias. Na seleção, fazemos as reuniões em horários livres sem interferir no trabalho da equipe.

SBB: Qual sua tradução bíblica preferida?
L.:
Aprecio muito a Almeida Revista e Atualizada.

SBB: Qual livro ou texto bíblico mais te inspira para jogar?
L.:
Minha passagem preferida é Efésios 6.10, que fala sobre a armadura de Deus. Pois é isso o que peço sempre a Deus, sua proteção.

SBB: Você acha que a fé em Deus pode influenciar num bom desempenho e conquistas dentro de campo? Por quê?
L.: Creio sim que a fé é importante e, na minha vida, sempre fez a diferença. Mas com certeza o trabalho, a dedicação e o sacrifício no dia a dia são também, sem dúvida, fundamentais. Pois é dentro de campo que procuro fazer o meu melhor. O mais entrego a Deus.

SBB: Como é na Seleção Brasileira a convivência dos jogadores evangélicos com os não evangélicos?
L.:
Vejo todos como amigos e sei que Deus ama a todos da mesma maneira. A convivência é muito boa, com respeito, amor e, até hoje, esta receita tem funcionado muito bem.

SBB: O que você acha da restrição da Fifa às mensagens religiosas dentro de campo?
L.: Temos, sobretudo, que respeitar. Mas creio que Deus vai nos dar uma forma de poder testemunhar seu amor ao mundo, lembrando que nosso próprio comportamento dentro de campo também pode ser usado por Deus para testemunhar.

SBB: O que a Bíblia representa na sua vida pessoal e profissional?
L.:
A Bíblia tem sido meu manual de instrução. Ela me ensina a andar de acordo com a vontade de Deus. E Deus sabe o que é melhor para nós. Ele tem me mostrado a salvação e me ajudado a conquistar vitórias na minha vida e meu trabalho. E minha maior vitória é ter Deus no meu lar, com minha esposa e filhos. Essa é nossa maior vitória.

SBB/Notícias Cristãs

Suposto pastor é detido após se passar por policial em São Paulo

Um homem foi preso no bairro de Santa Cecília, na região central de São Paulo, depois de se passar por um policial. De acordo com as informações da Polícia Civil, Celso Sabino, de 51 anos, é um suposto pastor de uma igreja evangélica.
O acusado, segundo a polícia, se aproveitava do fato de ter o mesmo nome de um escrivão do 77º Distrito Policial e algumas semelhanças físicas (é negro, usa óculos e tem baixa estatura) para pressionar várias pessoas a aceitar cheques sem fundo.
Uma das pessoas lesadas apresentou queixa em uma delegacia contra o suposto pastor, que foi detido.

Band/Notícias Cristãs

Cidadãos incendeiam Igreja Evangélica de Reavivamento Espiritual

Uíge - A Igreja Evangélica de Reavivamento Espiritual no Mundo em Angola (IERMA) foi queimada na noite de segunda-feira, no bairro Papelão, periferia da cidade do Uíge, por familiares de um membro da denominação religiosa que morreu em casa do pastor.
Em declarações à imprensa, o moderador da igreja IERMA, Manuel Jorge, disse que um grupo de familiares da falecida, Teresa Mendes, de 36 anos de idade, incendiou a igreja, destruíndo todos os seus haveres.
Manuel Jorge disse que Teresa Mendes, que se encontrava doente, morreu na Igreja quando participava de um seminário e oração de cura com mais outros enfermos.
Admitiu que a igreja tem curado pessoas na base de orações e a falecida estava a ser submetida ao mesmo ritual, mas acabou por morrer depois que saiu da igreja.
Entretanto, o filho de Teresa, de 20 anos de idade, afirmou que a sua mãe sempre que adoecesse não recorria ao hospital, mas à igreja, alegando que por ordens não podia tomar qualquer medicamento.
A IERMA foi reconhecida pelo Governo angolano em 2009 e controla mais 800 fiéis na província do Uíge.

Angop/Notícias cristãs

Júlia Paes passa mal com reportagem sobre sua carreira


Julia Paes agora frequenta uma Igreja Evangélica e se casou na última semana, grávida de seis meses. Entre as madrinhas, Sabrina Boing Boing e Carol Miranda.

A atriz e cantora Júlia Paes teve um mal estar depois de assistir a uma matéria do TV Fama sobre o seu casamento, que aconteceu na última sexta-feira. Além de mostrar imagens da família, o programa exibiu uma retrospectiva da carreira de Júlia, que inclui sua participação em filmes pornográficos, o namoro com Thammy Gretchen, e o grupo Sexy Dolls, em que ela cantava.
Com poucos anos de carreira artística, Júlia Paes nunca deixou de estampar as páginas das revistas e sites de celebridades. O relacionamento dela com Thammy Gretchen rendeu um ensaio nu para uma revista erótica e muita polêmica.
Após o fim do grupo Sexy Dolls, Júlia Paes se converteu, passou a frequentar uma Igreja Evangélica e se casou, grávida de seis meses, com Gabriel Ribeiro. Sabrina Boing Boing e Carol Miranda, amigas inseparáveis de Júlia e ex-integrantes do grupo musical, foram as madrinhas do casamento.

Divirta-se/Notícias Cristãs

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Reverendo afirma que pastor preso não pertence às principais igrejas presbiterianas

O presidente do sínodo de igrejas presbiterianas do Rio Grande do Norte, reverendo José Romeu da Silva, teve uma terça-feira (25) difícil. Após a divulgação da prisão do pastor Geraldo Rodrigues Filho, de 53 anos, por receptação de carros roubados, José Romeu recebeu inúmeras ligações para saber sobre o caso, já que o acusado foi identificado como pastor presbiteriano. Contudo, o reverendo nega que ele pertença a alguma das principais igrejas presbiterianas do país, que são reconhecidas pelos membros da igreja Presbiteriana do Brasil (IPB) e a igreja Presbiteriana Independente (IPI).
Buscando informações sobre quem seria o pastor, José Romeu consultou cadastros, o anuário com os nomes de todos os pastores da igreja, e também entrou em contato com a Igreja Presbiteriana Independente, que não encontrou nos arquivos o nome do pastor preso. "Não recebi menos de 700 ligações para saber desse pastor. Não sei qual a igreja de que ele é pastor", garantiu o reverendo.
De acordo com o presidente do sínodo, há outras igrejas dissidentes autodenominadas presbiterianas, mas que não são reconhecidas pela IPB e IPI, que estão no Brasil há 150 e 107 anos, respectivamente. "Eles podem ser de outras igrejas, mas não dessas duas, que são as que nós reconhecemos. Ele pode ser de uma igreja mais recente ou dissidente", explicou o reverendo.
No final da tarde de domingo, a Polícia Militar recuperou dois carros roubados, um Ford Ecosport preto e um Fiat Idea Adventure, que estavam em poder do pastor evangélico Geraldo Rodrigues Filho. Ele afirmou que não sabia que os carros eram roubados e que os adquiriu no mercado da Avenida 4, no Alecrim.
Segundo informações da Polícia Civil, o pastor foi levado nesta terça-feira (25) para um Centro de Detenção Provisório, depois de passar pela delegacia de Plantão da Zona Sul. Humberto Luís Vasquez, de 26 anos, que estava em um dos carros roubados, também foi preso.

Veja mais: http://migre.me/IxS8

Tribuna do Norte/Notícias Cristãs

Baby Brother: as crianças já nascem na frente das câmeras


Roberta Peroni e seu filho Lucas. O nascimento do menino foi fotografado e transmitido ao vivo pela internet.

Você já viu muita coisa pela internet. E provavelmente vai ver ainda mais. Até o parto, momento que parecia ser o mais íntimo na vida de uma pessoa, agora já está sendo transmitido pela grande rede.
No Estado, a pioneira na transmissão de partos é a Maternidade Santa Paula, em Jardim Camburi, Vitória, que já transmitiu cerca de 50 partos ao vivo desde julho do ano passado.
Ao contrário do que possa parecer, não se trata de exibicionismo, defendem os médicos. Com essa espécie de "baby brother" particular todo mundo sai ganhando. "As pessoas estão morando mais longe de suas famílias, em cidades, Estados e até países diferentes e fazer a família participar de um momento como o parto ajuda mãe e bebê", destaca o ginecologista Luiz Fernando Borneo.
Os anestesiologistas também gostam da ideia. "Na Maternidade Santa Paula, os pais não podem ficar na sala de parto, e mesmo em outros hospitais, os anestesiologistas são contra, quando se trata de uma cirurgia cesárea, para evitar contaminações", aponta Borneo.
Além da internet, as imagens da câmera instalada na sala de parto - sem operador - também são repassadas para uma sala anexa, onde o pai e quem mais quiser pode assistir a tudo. "Já tivemos casos de 20 pessoas assistindo ao parto na sala. Parece final de Copa do Mundo", lembra o anestesiologista Paulo Gouvea.

Privacidade
Quem se preocupa com a privacidade pode ficar tranquilo. O parto on-line só é feito em cesáreas, quando as partes íntimas da mãe ficam cobertas. A câmera fica posicionada nos fundos da sala, focando os pés da mãe. "A visão que se tem é dos médicos e da ponta da barriga, por onde vai sair o bebê", explica Borneo. Além disso, a câmera só é ligada depois que a futura mamãe já está preparada e toda coberta e, para ter acesso ao link, é preciso ter uma senha, informada pelos pais do bebê.
Depois de tudo isso, quem ainda tiver fôlego pode entrar também no Berçário On-line, mas dessa vez nada de vídeos. Com a autorização dos pais, as berçaristas tiram fotos do bebê e colocam no site informações principais, como hora do nascimento, peso e tamanho. Assim, a criança já nasce debutando no mundo virtual.

Família acompanhou o parto pela web
Com parentes no interior do Estado, Roberta Peroni, 28, ficou feliz ao saber que todos poderiam participar do nascimento de Lucas, hoje com 4 meses, mesmo à distância. O parto foi transmitido ao vivo, pela internet, e tias e primas dela se reuniram em Santa Teresa para assistir. Até a mãe de Roberta viu o nascimento do neto pela internet. "Ela não conseguiu folga do trabalho no dia, então aproveitou para ver pela internet, além disso, meu marido e minha irmã ficaram na salinha ao lado da sala de cirurgia, vendo tudo pelo vídeo", destaca Roberta.

Culto, casamento e até velório são transmitidos pela internet
As igrejas também ocuparam o ambiente virtual. Além de cultos e casamentos, é possível acompanhar até formaturas e velórios pela internet.
"Há uma demanda crescente pela oferta desse tipo de serviço. Todo domingo, além dos cerca de 700 membros que frequentam a igreja, outras 100 acompanham o culto pela internet. Na maioria das vezes são pessoas que estão doentes, sem poder ir à igreja, ou viajando", destaca o diretor multimídia da Igreja Batista da Mata da Praia, em Vitória, Daniel Carlos Souza Ferreira.
Ele mesmo já assistiu um culto via internet quando estava internado para uma cirurgia e aprova os benefícios. "Para quem está precisando de conforto, é um alívio poder participar de um momento de fé", opina.

De longe
No caso de casamentos e formaturas a participação é até internacional. "Temos visitas de pessoas da Itália, dos Estados Unidos, do Canadá e do Reino Unido, algumas também assistem periodicamente aos cultos", conta Daniel.
Parentes distantes aproveitam a internet até para se despedir de entes queridos, por isso a igreja optou por inclui os cultos fúnebres na programação online.
Além da possibilidade de ver ao vivo, quem quiser pode visitar também a biblioteca virtual da igreja, onde todos os vídeos transmitidos ficam disponíveis 48 horas depois do evento. Tudo isso faz parte da programação da Web TV disponível no site da igreja. "Lá é possível assistir a uma programação 24 horas por dias, com diversos programas de curta duração", conta Daniel.

Gazeta Online/Notícias Cristãs

Evangélico é morto na porta de seu estabelecimento comercial


evangélico Francisco Pereira da Silva, 33 anos de idade, foi assassinado, nesta terça-feira, com vários tiros de revólver, em frente ao seu próprio estabelecimento comercial - uma sorveteria localizada no conjunto Luis Pedro I, no Tabuleiro do Martins, em Maceió.
Segundo informações colhidas por policiais que estiveram no local, o crime foi cometido por dois homens, que estavam numa motocicleta Twister de cor vermelha e de placa não anotada.
Antes de ser morto, a vítima ainda travou luta corporal contra os criminosos na calçada de seu estabelecimento comercial. A polícia ainda não sabe os verdadeiros motivos do assassinato, já que Francisco Pereira da Silva morava no local há pouco mais de um ano e segundo informações, era uma pessoa pacata.
O crime será investigado pelo delegado Robervaldo Davino, titular do 4º Distrito Policial.
Técnicos do Instituto Criminalista foram ao local para colherem as primeiras informações que servirão de base para abertura do inquérito policial. O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal para necropsia e depois liberado para sepultamento.

Aqui Acontece/Notícias Cristãs

Defensores de aborto e homossexualismo do partido de Marina Silva iniciam guerra contra a pré-candidata


O contraste entre as crenças de Marina Silva e as bandeiras libertárias que inspiraram a criação do PV provocou uma primeira dissidência no partido. Militantes rasgaram as carteiras de filiados e criticaram a senadora evangélica por sua posição contrária ao aborto e a união civil dos gays. Mentor político de Marina Silva, arcebispo de Porto Velho diz que falta nela um perfil presidencial.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Com palavras de ordem contra a pré-candidata ao Planalto, um grupo de militantes rasgou suas carteirinhas de filiação e articula o lançamento do Partido Livre, dedicado à defesa das minorias e de direitos individuais.

Eles afirmam que a entrada da senadora, evangélica, fez o PV abandonar causas históricas como a legalização do aborto e a união civil de homossexuais.

“Sofremos um estupro ideológico”, queixa-se a presidente do futuro partido, Rose Losacco. “Ajudei a fundar o PV e não posso admitir que joguem seu programa no lixo por causa das crenças de uma pessoa”, diz.

Para receber Marina, os verdes criaram uma cláusula de consciência que permite a filiados se opor a itens do estatuto do partido por convicções religiosas.

Avalista da ideia, o presidente do partido, José Luiz Penna, é o principal alvo dos rebeldes. “Ele parece o Fidel Castro, não sai nunca do poder. Está usando até aquele bonezinho verde”, ataca Rose. “Hoje o PV apoia todos os governos. Virou um partido de aluguel”.

No cargo desde 1999, Penna não quis comentar as críticas e a criação da nova legenda.

A dissidência promove hoje seu primeiro encontro nacional, em Belo Horizonte. Vai anunciar apoio a Dilma Rousseff, do PT. A justificativa é que ela apoiaria as causas renegadas por Marina.

Os dissidentes dizem ter “quase 100 mil” assinaturas, bem menos que as 468 mil exigidas para fundar um partido. Apesar disso, fazem planos ambiciosos. “Vamos mostrar que o Livre veio para mudar a história do Brasil”, promete o vice-presidente Carlos Taborda”.

O grupo ainda não atraiu políticos com mandato, mas sonha com o ministro Juca Ferreira (Cultura), que se licenciou do PV para apoiar Dilma. Ele já recusou o convite.

Por enquanto, o maior desafio é escapar da sigla PL, usada pelo antigo Partido Liberal (atual PR). “Queremos cair fora dessa coisa de rótulos. A gente se considera livre”, diz Rose.

Esta semana, o PV sofreu outra baixa em protesto contra Marina. O presidente do Grupo Gay da Bahia, Marcelo Cerqueira, decidiu trocar o partido pelo PT. Em abril, um vereador verde de Alfenas (MG) acusou a senadora de se recusar a receber uma bandeira arco-íris.

Fonte: Folha de São Paulo / Gospel+
Via: Creio

Presidente Lula se encontra com Missionário R. R. Soares para conseguir votos evangélicos para Dilma


O presidente Lula conversou com o bispo Romildo Ribeiro Soares, conhecido como Missionário R. R. Soares, fundador da Igreja Internacional da Graça de Deus. É um momento de campanha, embora em horário de expediente, com vistas a reforçar a candidata Dilma junto ao público evangélico.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Tenta recuperar terreno onde o adversário, José Serra, já ciscou, nessa etapa da campanha disfarçada de “pré-campanha”. Fora do palanque do Dia do Trabalhador, que Lula dividiu com Dilma, Serra procurou os evangélicos, no dia 1º de maio. Em Balneário Camboriú (SC), participou do 28º Congresso Internacional de Missões dos Gideões Missionários da Última Hora.

Promovido pela Assembléia de Deus, o encontro reuniu milhares de fieis, sob a liderança do pastor Everaldo Pereira, do Partido Social Cristão (PSDC), que apóia Serra desde 2002.

Líder religioso que arrebata audiências na televisão, R.R. Soares apresenta o popular “Show da Fé”, transmitido pelas redes Bandeirantes e CNT. Ainda neste mês, ele estréia novo programa na Bandeirantes, agora em formato de talk show, no horário nobre que aluga desde 2003, a preços milionários.

R.R. Soares só perde em horas de aparição na tevê para o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, apóstolo Valdemiro Santiago, que, por sua vez, arrebanhou fieis do bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal do Reino de Deus. R.R. Soares foi co-fundador da Universal e casou-se com a irmã de Macedo. Mas ambos romperam e ele fundou sua própria igreja.

Lula sabe que o voto evangélico tem participação expressiva na eleição e preocupa-se em aproximar a pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, do segmento.

Para se ter uma idéia do alcance desse eleitorado, o Serviço de Evangelização para a América Latina (Sepal), organização protestante de estudos teológicos, estima que a metade dos brasileiros será evangélica em 2020. A conta parte da premissa de que a taxa de crescimento dos evangélicos na próxima década continuará a mesma dos últimos 40 anos. Em 1960, os evangélicos eram 4% da população brasileira. Hoje calcula-se que sejam 24%.

Fonte: Estadão / Gospel+
Via: Pavablog

terça-feira, 25 de maio de 2010

Comercial de cerveja causa polêmica ao mostra Deus como argentino. Assista


Um comercial da cerveja Quilmes, patrocinadora oficial da seleção de futebol da Argentina, provoca polêmica ao mostrar “Deus” como sendo argentino. A propaganda, entitulada “Diós”, passou a ser veiculada neste fim de semana na Argentina relaciona Deus a momentos marcantes da seleção na história das Copas.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

“Para a Quilmes, assim como para todos os argentinos, a Copa do Mundo é uma ocasião muito especial”, diz Diego Belbussi, diretor de marketing da empresa. “Estamos seguros que esta propaganda deixará uma mensagem de confiança sobre a história, o presente e o futuro da seleção.”

No comercial, uma voz vinda dos céus fala à população que foi sim responsável por lances históricos nas Copas do Mundo, como a bola na trave que evitou a derrota da Argentina para a Holanda no último minuto da final da Copa de 1978, ou a série de bolas que chutadas na trave pelos jogadores do Brasil durante a partida contra os argentinos no Mundial de 1990. “Sim, fui eu”, diz a “voz” no comercial.

“Deus” também admite ter colaborado no famoso gol feito com a mão por Maradona contra a Inglaterra na Copa de 1986. “Esta pode ter sido sim a minha mão”, diz.

A propaganda segue mostrando lances decisivos protagonizados pelos argentinos, como os pênaltis defendidos pelo goleiro Goycoechea, também em 1990, o golaço de Maradona driblando vários ingleses, em 1986, o gol do título da final daquela Copa, marcado por Burruchaga contra a Alemanha, e o gol de Palermo em pleno temporal no final da partida contra o Peru, nas Eliminatórias para a Copa de 2010, que salvou a Argentina de ficar de fora da Copa. E “Deus” diz: “Não, isso não fui eu!”. O comercial termina pedindo ao povo argentino para torcer e amar as cores da seleção acima de tudo.

No Brasil, outra marca de cerveja, a Skol, veicula propagandas nas quais torcedores argentinos se tornam fãs da seleção brasileira após beber o produto.

Vídeo: Comercial da Quilmes com Deus como argentino



Fonte: G1 / Gospel+

Evangelização infantil – Ilustrador cristão conta como leva a Palavra de Deus às crianças


Evangelização infantil é uma preocupação constante entre muitos pais evangélicos. Pensando nisso, o ilustrador cuiabano Generino Rocha desenvolveu a Turminha Shekiná e a Turminha Missionária. Por meio de histórias em quadrinhos, tirinhas e passatempos são contadas as histórias bíblicas em uma linguagem de fácil assimilação.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Em suas histórias, os personagens se envolvem em situações que são narradas sempre mostrando como a Palavra de Deus ensina a agir. Além de contar histórias bíblicas em uma maneira contextualizada é ensinada através da Turminha Missionária a importância da evangelização e a diferença entre as pessoas e culturas.

Personagens bíblicos aparecem em divertidas histórias para contar sobre seus feitos aos personagens. Um detalhe importantes das publicações é que cada personagem tem características específicas, criando uma identificação com a criança.

Outra forma de publicação de seus trabalhos infantis evangélicos é por meio de tirinhas divulgadas em jornais no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. “Também já lancei algumas edições próprias com apoio de empresários e da Lei de Incentivo a Cultura de Mato Grosso”, disse Generino.

A paixão de Generino por desenhos é antiga. Quando era criança, na década de 1980, começou a copiar desenhos de super-heróis de gibis. Em 1995 foi convidado a ilustrar um caderno infantil de um jornal de sua cidade. Este foi o pontapé inicial para desenvolver seus trabalhos, que são “frutos de muita concentração”, falou Generino.

Porém o ilustrador ainda não lança seus trabalhos por uma editora. Com é um artista em ascensão faz doação de 50% da tiragem para amigos, bibliotecas, empresários e editoras para divulgar seu trabalho. A outra parte da tiragem é distribuída em bancas e livrarias. “Também faço divulgação em massa na mídia gratuita local, que costuma ceder espaço para o artista mostrar seu trabalho”, contou.

No momento Generino está a procura de uma editora que lance seus produtos em nível nacional. Como é um material com uma linguagem fácil, porém profunda é uma ferramenta para a evangelização de crianças em igrejas, quando são realizados os cultos infantis, escolas dominicais e para filhos de pessoas que não são cristãs.

Além de seus trabalhos de evangelização infantil, Generino também lançou projetos de conscientização ambiental para crianças. “Garota Pantanal” e Ângela, a versão jovem são histórias de uma menina que faz de tudo para proteger o meio ambiente.

Os trabalhos de Generino podem ser encontrados em livrarias e bancas. Os interessados em divulgar os trabalhos em suas igrejas podem entrar em contato pelo telefone (65) 9919-8467 begin_of_the_skype_highlighting (65) 9919-8467 end_of_the_skype_highlighting.

Ao ser perguntado se gostaria de deixar um recado aos seus fãs, Generino fez que questão de dizer: “que creiam muito no Criado, entreguem seus caminhos a Ele e o mais Ele fará”.

Em breve Generino e seus personagens terão um lugar cativo entre os blogs Gospel+. Se você também quer seu blog no Gospel+, cadastre-se aqui.

Fonte: Gospel+

Humor Cristão – Com muitas piadas e risos, grupos utilizam a comedia Stand Up para evangelizar. Assista os vídeos e entenda


Por seguir a Jesus o cristão deve…. gargalhar de felicidade! Foi pensando nisso que atualmente vários grupos de Stand Up Cristão estão se formando em todo país, seguindo a nova tendência estadunidense.

Visite: Gospel, Noticias Gospel, Videos Gospel, Musica Gospel

Stand Up é um tipo de comédia em que apenas um comediante se apresenta em pé, daí o nome stand up, sem nenhum tipo de figurino especial. Ele se difere de um monólogo tradicional por ter o recurso da improvisação e ter sempre textos engraçados. Alguns comediantes se referem a esse tipo de teatro como “humor de cara limpa”.

O gênero faz sucesso nos Estados Unidos desde o início do século. No Brasil vários grupos se formaram, dentro os mais famosos está Clube da Comédia Stand Up, formado por Marcelo Mansfield, Marcela Leal, Oscar Filho e Danilo Gentili.

Aproveitando o sucesso da comédia, cristãos evangelizam e fazem os crentes rirem por meio do Stand Up. Um desses grupos cristãos é formado por pessoas do Jovem da Verdade. Além do conhecido grupo de teatro e o podcast, a trupe agora criou o “Rato de Palco”.

O Ministério, que tem por objetivo “itinerante de recreação, peças de teatro e pregação em acampamentos e congressos em todo o Brasil. O desejo do JVnaEstrada é levar para os acampamentos a mesma qualidade e alegria dos acampamentos que o Jovens da Verdade tem promovido em seus 40 anos de existência”, faz suas apresentações em acampamentos e em treinamentos de liderança realizados em sua base em Arujá, SP.

Seguindo o mesmo modelo americano, a trupe, além de fazer improvisação, com exercícios como o “congela”, também conta histórias bíblicas e sobre vida cristã de uma maneira engraçada e peculiar do gênero.

Outro grupo bastante conhecido entre os evangélicos é o “Stand Up Gospel Comedy”. “Queremos mudar um pouco aquela idéia de que para ser um cristão, a pessoa não pode ser bem humorada. Rir não é pecado!”, disse Dennys Ramos, integrante da trupe.

Nos Stand Ups cristãos é proibido falar palavrão e fazer piadas com conotações sexuais. São contadas histórias bíblicas e sobre a vida cotidiana de uma forma engraçada sem o apelo aos pecados da carne. “Não precisamos destes apelos para rir. A vida nos apresenta outras formas de humor que são pouco exploradas, mas que terão muito espaço no stand up”, explicou Ramos.

Nos Estados Unidos o grupo “Apóstolos da Comédia” faz muito sucesso. Os integrantes, que comungam na igreja Grandview Assembléia de Deus, ganharam até um a produção de um filme a respeito do grupo.

“Por anos a igreja não viu a comédia como uma ferramenta viável para o ministério. Mas olhe que faz comédia para a alma. Ela quebra os muros. É ótimo levar as pessoas para a igreja e elas darem risada”, disse Allan, um dos integrantes.

O pastor da Grandview Assembléia, Todd Matchett disse que os cristãos devem, além de evangelizar, terem bom humor, porque essa característica influencia pessoas. “Muitos cristãos não são conhecidos por sua luz e suas risadas. Muitos pensam que os cristãos não gostam de rir. Isso nos dá a oportunidade de pintar um quadro diferente”.

Uma das defesas apresentadas para a realização de Stand Ups é a maneira como ela evangeliza. Quando se convida alguém para ir à igreja muitas vezes é negado o convite. Porém quando se convida para ouvir palavras engraçadas, a aceitação é mais fácil. Através do humor se leva a Palavra da Salvação às pessoas.

Segundo os criadores do “Apóstolos da Comédia” existem músicas cristãs que não agradam as pessoas, pois cada tem sua preferência musical, mas o humor é algo universal e uma ótima estratégia de evangelização.

Já dizia o ditado popular “rir é o melhor remédio”. Para o cristão o bom humor deve fazer parte do cotidiano. Portanto falar do Amor de Deus através do humor integra-se à lista de estratégias de evangelização.

VÍDEOS:

Stand Up Gospel Comedy



Stand Up – Jovens da Verdade



Fonte: Gospel+

Procuradoria pede multa a Anthony Garotinho por propaganda eleitoral antecipada


A PRE-RJ (Procuradoria Regional Eleitoral no Rio de Janeiro) entrou com duas representações no TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral) contra Anthony Garotinho, pré-candidato ao governo do Rio, por propaganda eleitoral antecipada. Caso seja condenado, o candidato deverá pagar multa que varia de R$ 5.000 a 25 mil por evento, ou o custo da propaganda, se for superior ao valor máximo estipulado.

No evento “Caravana Palavra de Paz”, realizado dia 23 de abril, em Belford Roxo, Anthony Willian Garotinho Matheus de Oliveira, junto a lideranças evangélicas, políticos e diversos cantores, fez propaganda eleitoral extemporânea. Em diferentes trechos de vídeo obtido pela PRE carioca, os participantes aparecem falando sobre a provável candidatura do político ao governo do Rio de Janeiro, durante o evento.

De acordo com informações do MPF (Ministério Público Federal), o denunciado Anthony Garotinho criticou o atual governador pelo seu apoio à passeata gay, realizada em Copacabana. “Eu estive aqui nessa praça e em todas as outras praças do Rio de Janeiro pedindo votos para o atual governador. Ele me enganou, ele me traiu”, relatou. A atitude eleitoral nesse caso não é caracterizada pela crítica ao homossexualismo, e sim ao governador.

Ainda nesse dia, foi promovido um sorteio para o público, em que puderam participar apenas maiores de 16 anos, idade mínima para votar.

Na ocasião, um dos participantes, conhecido como bispo Marcus Vinicius, também chegou a afirmar em seu discurso que “esse Estado está precisando de um brado. Esse brado está na boca daqueles que têm Jesus no coração. Governar é o que você sabe mais fazer (apontando pra Garotinho), nós não estamos precisando de ninguém pra mexer nas finanças desse Estado. Sabe o que nós precisamos no Rio de Janeiro? Precisamos de um homem de Deus! (apontando mais uma vez para Garotinho)”.

Segundo ato

No dia 25 de abril, novamente foi promovida a “Caravana Palavra de Paz”, agora em Cabo Frio, e os discursos proferidos também caracterizam, para o MPE (Ministério Público Eleitoral), propaganda antecipada.

Durante o evento, lideranças evangélicas e artistas fizeram pedidos de voto para Garotinho. “Seja prefeito, deputado ou presidente, continuo com o irmão Garotinho que ele é o nosso governador”, afirmou o cantor Emanuel de Albertin.

Em uma conversa dirigida ao público, entre o cantor, o pastor Isaías Coimbra e Garotinho, o atual governador, Sérgio Cabral, e Fernando Gabeira foram criticados por apoiar o casamento homossexual, inclusive em meio a apelos religiosos.

Fonte: Última Instância

Quando questionado se era contra ou a favor da união homoafetiva, Garotinho afirmou: “Eu sou a favor de Deus, tem que ser contra isso”. Replicando, Albertin disse que “todo mundo é contra” e o ex-governador completou, provocando: “Todo mundo, não, o Gabeira e o Sérgio Cabral são a favor”.

Kaká usará chuteira com frase, Jesus em primeiro lugar. Assista

Um vídeo divulgado pelo site Eu vivo a Seleção, de uma das patrocinadoras do Brasil, revela as chuteiras que Kaká e Grafite usarão no Mundial da África do Sul. As informações são do site Globoesporte.com.

Os dois modelos são personalizados, e foram feitos com as medidas e os materiais de preferência dos jogadores. Na chuteira de Kaká, está impresso a frase Jesus in first place (Jesus em primeiro lugar). Na de Grafite está escrito Graffa 23.

Assista o vídeo:



Fonte: Clic esportes/OVERBO

Presidenciáveis investem no voto religioso


Em um país onde apenas 7% da população declara não ter religião, o caminho para a vitória nas urnas tem na fé um atalho traiçoeiro. De olho em um contingente que passa da centena de milhões de eleitores, candidatos a cargos proporcionais e majoritários flertam com o voto religioso, em um movimento que oferece inúmeros riscos. Entre os presidenciáveis, Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PV) e José Serra (PSDB) se debruçam de forma ainda tímida sobre a tarefa de conquistar o segmento dos brasileiros que atrelam a escolha nas urnas às convicções da fé. Tentam calcular o comportamento desse eleitor para, muito mais do que agregar novos simpatizantes, não ser tragados ao expor posições ofensivas às crenças mais tradicionais.

Embora atuem mais nos bastidores, as religiões com praticantes no país estendem o braço de forma diferente à atuação política. Especialistas apontam que várias delas contam com representantes diretos nos três poderes da República. Entre os partidos, há legendas como o PR e o PRB, com vínculo direto religioso. O PR reúne evangélicos de diversas correntes, como Assembleia de Deus e Igreja Batista. Já o PRB tem raízes na Igreja Universal do Reino de Deus. Por terem maior representatividade na população, os católicos apostólicos romanos e evangélicos neo pentecostais formam os setores mais disputados pelos políticos brasileiros.

“O que é mais importante em termos da disputa dos políticos em relação à agregação dos religiosos não é a garantia dos votos em si, mas ser identificado como palanque mais adequado a cada crença, para não perder esse votos”, explica a professora da Universidade Federal Fluminense, Christina Vital. Em resumo, a cientista aponta que dificilmente se ganha um voto somente pela religião, mas é fácil perder eleitores por causa dela.

Busca de apoio

Entre os presidenciáveis, a candidata que mais tem avançado sobre o segmento religioso, segundo avaliação de especialistas, é Dilma Rousseff. A petista já participou de eventos em rádios religiosas, missas e cultos evangélicos. Ao flertar com o chamado voto da fé, porém, Dilma tem tropeçado em contradições. Primeiro, esquivou-se de responder se Deus existe, depois disse não ter religião, mas respeita quem é religioso. Até que decidiu assumir-se seguidora do Vaticano. “A questão religiosa influencia o voto, mas isso tem de estar em evidência. Tem de ter um valor e o eleitor tem de identificar isso”, explica o cientista político da Universidade de Brasília Ricardo Caldas. Até agora, Dilma tem o voto declarado de partidos ligados às religiões neo pentecostais, como o PR e o PRB.

Para fazer frente ao movimento de Dilma, o tucano José Serra também vem reservado espaço cativo na agenda para eventos religiosos. Em Balneário Camboriú, rezou junto a evangélicos em abril. Na semana passada, iniciou o roteiro de cunho religioso obrigatório dos candidatos, por Juazeiro do Norte (CE) – o outro endereço é Aparecida do Norte (SP). Embora não tenha cometido nenhuma contradição, analistas entendem que o pré-candidato ainda titubeia ao abraçar questões cruciais para a fé, como a questão do aborto e da união homoafetiva. “O Serra tem mais condições de reunir o voto religioso, que é tradicionalmente conservador, mas ele resiste a se enquadrar às teses desse grupo, como um político de centro-direita. Ele prefere a imagem de técnico, cientista e até centro-esquerda” analisa Ricardo Caldas.

Agenda religiosa

Ainda que seja a única entre os presidenciáveis com currículo religioso, Marina Silva tem sido a pré-candidata com menor agenda ligada à religião. Depois de cogitar se tornar freira e se converter evangélica da Assembleia de Deus, Marina tem evitado os temas sensíveis às crenças. Na questão do aborto, diz que é pessoalmente contra, mas sugere um plebiscito para definir a legalização da prática. Em via oposta à própria crença, declarou que não iria se opor à união homoafetiva. A aposta no tom ambientalista, em detrimento do religioso, para a campanha evitaria a perda dos votos dos jovens, hoje mais simpáticos à pré-candidata verde.

Fonte: Uai/OVERBO