terça-feira, 26 de outubro de 2010

Evangélico teria quebrado imagem de santa católica que resistiu a uma enchente que destruiu uma cidade

Um homem é acusado de destruir a imagem de uma santa que resistiu à enchente que devastou a cidade de Barreiros, no Pernambuco. De acordo com a polícia, o funcionário público Zé Dionísio é suspeito de ter quebrado a redoma de vidro e jogado a imagem de Nossa Senhora do Rosário no chão, no fim da tarde deste domingo. Segundo o padre José Gusmão Calado, pároco da igreja matriz do município, trata-se de um evangélico, cujo ato de vandalismo foi motivado por uma ‘ideologia fundamentalista religiosa’.

- A informação que a gente tem é de que ele tinha acabado de sair de um culto quando quebrou a imagem. Ouvi falar que ele tem problemas mentais. Se for doente, que vá para o manicômio. O que não pode é estar no convívio social deste jeito – afirma o padre.

De acordo com o padre Calado, como a cidade é de maioria católica, a população ficou revoltada e tentou linchar o acusado.

- Mas ele se escondeu e nada lhe aconteceu. Chamamos a polícia, que nada fez. Vamos responder colocando outra imagem no local. Deus usa essas ocorrências para fortalecer a fé e aumentar a devoção – garante.

De acordo com a polícia, até que o acusado preste depoimento, não é possível afirmar se é evangélico. Uma das hipóteses levantadas é de que estivesse sob efeito de álcool.

- Vamos apurar se o suspeito estava embriagado – conta o policial Zé Arnaldo.

O acusado irá prestar depoimento à polícia nesta terça-feira.

Para o pároco, a santa tornou-se símbolo da resistência da cidade, após ter ficado intacta mesmo após às chuvas do meio ano que destruíram grande parte da região.

- A praça ficou toda inundada, a água levou ponte, casas, mas não matou ninguém nem destruiu a imagem de Nossa Senhora do Rosário, considerada protetora da cidade. A imagem foi quebrada, mas a santa segue nos protegendo e intercedendo por nós – diz o padre.

Fonte: O Globo / Gospel+

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.