quarta-feira, 17 de março de 2010

Itália: Líder de seita detido por alegado abuso sexual de menores

O líder de uma seita chamada Comunidade Maia, que se fazia passar por centro de ioga e de misticismo, foi detido esta terça-feira pela polícia italiana suspeito de abusar sexualmente dos membros femininos e suas filhas menores de idade.
Danilo Speranza é também acusado de abusar da confiança dos membros da seita para obter vantagens pessoais, incluindo monetárias.
O grupo operava um centro no bairro de San Lorenzo, em Roma, muito próximo da Universidade de Sapienza.
Os vizinhos estão chocados:
“O centro aparentava ser um call center ou um escritório com serviços de secretariado. Nunca entendi que se fazia lá dentro, a verdadeira actividade.”
“Eu apenas via pessoas sentadas, como se de um centro de chamadas telefónicas se tratasse. Jovens da minha idade. Nunca vi entrarem crianças. Apenas jovens vestidas normalmente, mais ou menos da minha idade.”
De acordo com a polícia italiana, Speranza, de 62 anos, criou o centro nos anos 80 para oferecer apoio a toxicodependentes, aulas de ioga e Filosofia.
As autoridades pensam que Speranza pode ter abusado de raparigas entre os 10 e os 12 anos, além das mães. O fundador da seita também convencia os seguidores a colocar alguns dos bens em seu nome.

Euronews/Notícias Cristãs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.