terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Religiosos tentaram visitar e levar oração para Arruda

Dois religiosos também tentaram entrar na superintendência da Polícia Federal para visitar o governador licenciado, José Roberto Arruda neste domingo pela manhã , mas foram impedidos.

Eles queriam fazer uma oração para o Arruda, ato que segundo eles, foi um pedido de um assessor muito próximo do governador licenciado. “Eu não julgo as pessoas pelas atitudes delas, acho que todo mundo deve ter oportunidade de ter comunhão com Deus”, disse José dos Reis, capelão Federal da igreja evangélica Assembléia de Deus.

Eles prometeram voltar depois do almoço.

Arruda está preso após o Conselho Especial do STJ referendar a decisão de prisão do ministro Fernando Gonçalves. A defesa chegou a entrar com habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF), mas o ministro Marco Aurélio Mello negou o pedido de liberdade para Arruda. A defesa decidiu aguardar o julgamento pelo plenário do STF e, com isso, Arruda deverá passar o feriado de carnaval preso.

Fonte: Correio Braziliense / G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.