quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Pastor suspeito de matar vizinhos em BH

Um pastor de uma igreja evangélica do Bairro Jardim dos Comerciários, em Venda Nova, é suspeito de matar, na noite de segunda-feira, o ajudante de pedreiro Maílson Souza dos Santos, de 18 anos, e um menor de 16. Ele teria descoberto um relacionamento amoroso de Maílson com a sua mulher. A mãe de Maílson, a empregada doméstica Nilza Souza dos Santos, de 39, frequentava a igreja do suspeito e também trabalhava na dele. O presbítero, sua mulher e um irmão dele, que também teriam participado do duplo homicídio, não foram localizados pela polícia.
“Meu filho foi morto num brejo, no meio do esgoto, e a polícia não deixou que eu chegasse perto. Dei a volta e me arrisquei porque ainda tinha esperança de encontrá-lo ainda com vida. Ele estava com o rosto no esgoto, tirei-o de lá e o coloquei no colo”, disse a mãe de Maílson, enquanto aguardava a liberação do corpo na manhã de ontem, no Instituto Médico Legal.
Nilza conta que estava desempregada e o pastor a chamava para passar e tomar conta de crianças, pagando com cesta básica. “Ele vivia dizendo que ia me ajudar, que ia ajudar meu filho e depois veio com uma covardia dessa, com ciúme da mulher. Eu o tinha como pai do meu filho”, disse a doméstica. Um primo de Maílson contou que o evangélico descobriu que a mulher tinha ido a um motel com a vítima. “Depois do crime, todos fugiram”, disse o primo. “O documento de Maílson estava com a mulher do pastor e foi preciso ameaçar chamar a polícia para um parente dela abrir a casa, pois a gente precisava da carteira de identidade para liberar o corpo no IML”, acrescentou o primo.
De acordo com o delegado Kleyverson Rezende, da Homicídios Venda Nova, há informações de que as vítimas estariam ameaçando um morador do bairro, mas não informou se era o presbítero da igreja evangélica. Uma equipe de investigadores passou a tarde no Jardim dos Comerciários investigando o crime.

Estado de Minas/Notícias Cristãs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.