segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Com foco na religião, jogador Nenê não sonha com Rio-2016


Com 27 anos recém-completados e titular do Denver Nuggets na última temporada, Nenê tem tudo para comandar a seleção brasileira de basquete durante as Olimpíadas de 2016, que serão realizadas no Rio de Janeiro. O atleta, entretanto, revelou que não planeja estar na disputa.

“Eu estarei aposentado daqui a sete anos”, declarou o ala/pivô, ao site norte-americano Fan House. “Estou falando sério. Não quero estar jogando até lá porque tenho outros objetivos”, afirmou.

Evangélico, o paulista de São Carlos explicou que pretende se dedicar à religião. “Tenho um acordo com o meu pastor e quero estar mais envolvido com a igreja no Brasil”, explicou o atleta, que passou por várias lesões em sua carreira e superou um câncer no testículo no início de 2008.

“Posso usar o meu testemunho para mudar a vida das pessoas”, comentou Nenê, que costuma ter a palavra “Jesus” em seus tênis. Sobre um possível retorno á seleção brasileira, classificada para o Mundial do ano que vem, o jogador não quis fazer especulações.

Casado com uma norte-americana, a ex-jogadora de vôlei Lauren Prothe, Nenê pretende se dividir entre Brasil e Estados Unidos após a aposentadoria. E, apesar de suas opções, o atleta vê com empolgação as Olimpíadas cariocas.

“Vai ajudar um monte de crianças a se empolgarem com os esportes e vai ser bom em termos de apoio para os atletas. Estou feliz, porque as crianças brasileiras não tem muitas coisas”, declarou Nenê.

Fonte: Abril/OVERBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.