segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Casamento homossexual: Socialistas católicos querem referendo

O grupo dos militantes socialistas católicos quer promover um referendo sobre o casamento homossexual se a proposta do PS passar na Assembleia da República e propõe-se participar na recolha de 75 mil assinaturas para o conseguir.

O porta-voz desta tendência dentro do PS, Cláudio Anaia, disse à Agência Lusa que os socialistas católicos pensam que é "uma questão de justiça" haver um referendo para que "todos os portugueses se possam pronunciar sobre esta matéria".

À espera de ver como a Assembleia da República decidirá sobre a matéria - e apontando dúvidas sobre a posição que o PCP irá manifestar - os socialistas católicos afirmam-se dispostos a integrar uma plataforma "multipartidária" que vai começar já na próxima semana a recolher opiniões.

A sua convicção é que "a maioria dos portugueses é contra o casamento homossexual", uma proposta que os socialistas católicos chamam de "aberrante" e que afirmam ter por trás a adopção de crianças por casais homossexuais.

Nesta matéria, consideram que o PS está "ideologicamente baralhado" e a seguir o Bloco de Esquerda e lamentam que "defina como prioritário o casamento homossexual" quando se vive "numa altura de crise social" em vez de se concentrar "no combate à pobreza e no combate ao desemprego".

JN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.