domingo, 27 de setembro de 2009

Religião auxilia na recuperação de dependentes de crack, em Caxias

Igrejas caxienses se valem de recursos como pista de para atrair jovens.
A fé pode ser um auxílio importante para dependentes de que buscam a recuperação. A dona de Janaina Tomazzoni Gobatto, 36 anos, e o marido, o mecânico de automóveis Cícero Augusto Gobatto, 35, trabalham como lideranças de jovens no núcleo da Igreja Evangélica Sara Nossa Terra, do bairro Rio Branco, em Caxias do Sul. Os dois bebiam, fumavam maconha e usavam cocaína. Cícero chegou a usar crack.
Há 11 anos estão limpos e orientam os jovens que chegam na Sara Nossa Terra com o mesmo problema que eles enfrentaram no passado. Para atrair os jovens para igreja e ajudar a afastá-los do vício, os fiéis do Rio Branco construíram uma rampa de skate nos fundos do templo.

Pioneiro/Notícias Cristãs

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.