segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Fé da Igreja Maradoniana em seu ‘D10S’ começa a balançar


Na Argentina, o poder de “D10S” (mistura de 10 com deus, em espanhol) passou a ser questionado até pelo seu mais fiel seguidor. Depois das derrotas para Brasil e Paraguai, até um dos fundadores da exótica Igreja Maradoniana, Alejandro Verón, criticou o técnico da seleção argentina.

Verón ressalta que o culto a Maradona foi criado para celebrar “o maior jogador de futebol de todos os tempos”, mas admitiu que após as últimas atuações da equipe de seu país passou a se preocupar pela primeira vez.

- O Maradona técnico não demonstrou nada. Eu o vejo mal. Ele está desnorteado em alguns aspectos, não encontra solução para o sistema, a tática, a estratégia – disse Verón à “Rádio 10″, de acordo com o site “Infobae.com”.

O fundador da Igreja Maradoniana, que já duvida da classificação da Argentina para a Copa do Mundo de 2010, ainda questiona a posição em que o principal astro argentino, Lionel Messi, vem sendo escalado por Maradona:

Fonte: Globo Esporte / ADIBERJ / O VERBO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.