terça-feira, 1 de setembro de 2009

Bala perdida atinge pastor no Centro de Campinas

Edmilson Mariano da Silva, da 1ª Igreja Presbiteriana Independente de Campinas, ficou no meio de tiroteio.
O pastor Edmilson Mariano da Silva foi atingido no peito por uma bala perdida na tarde desta segunda-feira (31/8) durante tiroteio na Rua Luzitana, região central de Campinas, por volta das 15h40. A cena, segundo testemunhas, parecia filme de ação.
Durante uma tentativa de assalto, quatro homens sacaram armas e pelo menos 12 cápsulas foram deflagradas. O mais intrigante, para a Polícia Militar, é que os dois homens supostamente considerados vítimas também fugiram do local.
O pastor atua na 1ª Igreja Presbiteriana Independente de Campinas e, segundo fiéis, tem 33 anos. Ele foi levado para o Hospital Mário Gatti e, de acordo com boletim médico, seu estado é estável.
Testemunhas contam que dois homens caminhavam em direção a Rua Conceição quando foram rendidos por outros dois, ocupantes de um Fiesta, na cor preta. Uma , que a Polícia acredita ter dinheiro, era o alvo dos bandidos.
As vítimas reagiram e houve intensa troca de tiros. Na sequência, todo mundo fugiu. 'A fuga é estranha e estamos investigando. Além disso, temos testemunhas que falam também no envolvimento de uma , modelo Falcon', reconheceu o 2º tenente da PM, Guilherme Soto, que atendeu a ocorrência.
Uma mulher de 31 anos, que passava pela rua no momento do tiroteio, conta que atirou-se no chão para escapar das balas. 'Eu estava bem no meio e lembro de ter pedido a alguém que não me matasse. Foi quando me joguei no chão. É uma sensação estranha porque, apesar de ver nos noticiários, você nunca acredita que possa acontecer com você. Eu considero que nasci de novo pelo menos dez vezes, que é o número de balas que eu contei', resume. Com medo, ela não quer ter o nome divulgado. Ela viu o pastor ser atingido, quando tentava esconder-se das balas.
O incidente alterou a rotina da população local. A maioria, por medo, preferiu não conceder entrevistas. 'Eu estava dentro da Igreja quando ouvi o barulho dos tiros. A príncipio pensei que eram fogos de artíficio, até alguém gritar que o pastor Edmilson havia sido atingido. Graças a Deus, ele está bem', contou Benedita Moreira da Silva, de 51 anos. 'Infelizmente nossa cidade está ficando cade vez mais violenta. Outro dia, durante uma tentativa de assalto, dispararam três vezes contra minha cabeça e, por sorte, estou ', repetia o estudante André Ricardo, de 28 anos.

Mistério
Passada a adrelina da cena, testemunhas concentravam-se em desvendar o 'mistério' sobre a mochila e a fuga de todos os envolvidos, mas ninguém arriscou-se em dizer quais eram os 'bandidos' ou os 'mocinhos' da história. 'Muito estranho que as vítimas tenham fugido também. Pode ser que a mochila não era deles', falou um jovem, que prefere não identificar-se.
Já funcionários de um estacionamento próximo ao local, asseguraram a participação da moto. De acordo com o estudante J.M.S., de 16 anos, a Falcon foi usada na fuga dos homens que estavam com a mochila e, inicialmente, caminhavam a pé. Um deles, inclusive, pode ter sido atingido na perna esquerda. A Polícia monitora os hospitais da cidade, caso o homem procure ajuda médica. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial.

Cosmo/NC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.