quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Ministério do Trabalho e Emprego pede autorização para novo concurso com 520 vagas

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) poderá ter novo concurso em breve. De acordo com assessoria de comunicação do órgão, um pedido de autorização para 520 vagas foi enviado ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG).

Se a solicitação for aprovada, serão oferecidas oportunidades para o cargo de auditor fiscal do trabalho, que exige formação de nível superior em qualquer área. A remuneração inicial para o cargo é de R$ 13.067.

Última seleção
O último concurso promovido pelo órgão foi lançado em outubro de 2008 e ofereceu 1.822 vagas para níveis médio (agente administrativo) e superior (economista e administrador). O concurso foi organizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB).

A remuneração indicada no edital de abertura variava de R$ 1.814,95 a R$ 1.949,12. Os candidatos inscritos passaram apenas por exame objetivo, de caráter eliminatório e classificatório. O objetivo do Ministério foi substituir os trabalhadores terceirizados que executam tarefas de servidores efetivos.

Os aprovados foram lotados no Acre, Amazonas, Amapá, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins.

Confira aqui os documentos relacionados à última seleção.

CORREIO WEB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.