quarta-feira, 8 de julho de 2009

Rapaz mata esposa e se joga do pontilhão

Jéssica Cristina Alves, 17 anos, morreu esfaqueada na noite de anteontem após uma discussão com o marido, Lidivaldo dos Santos Costa, 23, no bairro Portal, em Mirassol. O corpo da garota foi abandonado no quarto do casal, no chão, e ficou pelo menos 12 horas ao lado do berço onde estava o filho, de sete meses. Depois do crime, Costa deixou a e se jogou de cima de um pontilhão na rodovia Washington Luís (SP-310) e morreu atropelado por um caminhão. Jéssica e Costa namoraram durante um ano e se casaram em dezembro do ano passado. Eles viviam em uma pequena casa de três cômodos doada pelo pai do rapaz. O casal era evangélico e frequentava a igreja “Avivamento Bíblico”. Ele era metalúrgico, mas havia pedido demissão na última semana.
O corpo de Jéssica foi encontrado ontem por sua mãe, Regina Alves, por volta das 10h, quando ela chegava para visitar o neto. A adolescente estava caída no chão do quarto vestindo apenas uma calcinha e uma blusa de dormir. Ela levou 12 facadas na região do pescoço. O bebê foi encontrado dentro do berço chorando. A faca usada no crime tem cerca de 20 centímetros de lâmina e estava na cozinha. O delegado Marcelo Rogério Barozi suspeita que os dois tenham discutido momentos antes do homicídio. “A briga deve ter começado no , porque havia muito dela no local, além da estar amassada, o que significa que houve luta. Mas a morte aconteceu em cima da .”

FONTE: Noroeste/NC

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.