terça-feira, 14 de julho de 2009

Cuba: Mais um sacerdote é assassinado em Havana

Mais um sacerdote é encontrado sem vida no arcebispado de Havana. Trata-se do segundo caso em cinco meses.
O pároco da paróquia de Nossa Senhora de Regla, Pe. Mariano Arroyo Merino, foi encontrado morto na manhã de ontem. Ele tinha 74 anos, era espanhol, e trabalhava em Cuba há 12 anos.
As circunstâncias da morte ainda estão sendo investigadas, mas os primeiros resultados indicam que o sacerdote foi assassinado. Segundo nota do arcebispado, o sacerdote desenvolvia um intenso trabalho pastoral, com uma carisma especial pela religiosidade popular e o sincretismo religioso.
Trata-se do segundo sacerdote espanhol assassinado em Havana este ano. Em fevereiro, foi encontrado morto o Padre Eduardo de la Fuente Serrano, de 61 anos, pároco da igreja Santa Clara de Lawton, um bairro operário da capital, onde o sacerdote desenvolvia um trabalho comunitário com as pessoas mais desfavorecidas.
Ele foi morto apunhalado, mas a polícia ainda não concluiu o inquérito. Todavia, a arquidiocese descarta a hipótese de que os dois casos estejam relacionados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.